V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Chega ao fim o Fórum do Conhecimento

A terceira e última etapa do Fórum do Conhecimento aconteceu na noite dessa quarta-feira, 8, no Teatro Tiradentes e trouxe à cena a cultura digital

às 18h35
Como significativo momento de aprendizado, o Fórum do Conhecimento aproxima a academia e a sociedade de questões atuais discutidas na seara da educação.
A educação e as novas tecnologias é tema tratado pela doutora Cristina Porto
A educação e as novas tecnologias é tema tratado pela doutora Cristina Porto
Os palestrantes Cristiane e seu doutorando Caio Eduardo
Compartilhe:

O evento promovido pela Universidade Tiradentes tem como objetivo proporcionar à comunidade acadêmica e à sociedade sergipana a oportunidade de estreitar os laços do conhecimento com temas previamente definidos e que atendam a interesses comuns.

“O Fórum do Conhecimento começou em julho, foi realizado em oito cidades e conclui hoje o seu terceiro ciclo. É uma iniciativa que leva os seus participantes a pensar a educação agregando a comunidade universitária e o público externo. É uma das inúmeras formas pelas quais podemos contribuir revelando também à sociedade o que temos como troca de aprendizagem”, salienta a coordenadora geral do evento, professora Cristiane Santana Lima. Segundo a docente, o Fórum existe para trazer à mesa várias discussões sobre educação.

Para a conclusão do terceiro ciclo do Fórum a professora Cristiane Porto e o seu doutorando em Educação Caio Eduardo discutiram com a academia sobre cibercultura.

“A importância do Fórum é levar ao público conhecimentos que são discutidos mais internamente na academia e nos livros e artigos publicados. Quando fazemos esse tipo de palestra, buscamos popularizar o assunto que estamos trabalhando em pesquisas e, consequentemente, aguçar a curiosidade das pessoas para ampliar os seus conhecimentos”, explica a professora palestrante.

“Nossas pesquisas têm como objetivo produzir novas experiências de educação na cultura digital. Então, nossa fala é muito voltada sobre a relação entre a cultura digital e as novas formas de ensinar e aprender na educação básica e na educação superior”, acrescenta Caio. O que o doutorando enfatiza é como os jogos podem ser aliados nesse processo.

Compartilhe: