V E S T I B U L A R 2017.2

Criar programas de computadores,produzir códigos, desenvolver softwares,  jogos e aplicativos, são desafios do Cientista Computacional. Ser bacharel em Ciência da Computação é aperfeiçoar o raciocínio lógico para a construção de novas tecnologias.

O curso superior em Ciência da Computação ofertado pela Universidade Tiradentes é reconhecido pelo MEC e conquistou nota 4 no Enade. Estudar na Unit é transcender a lógica para conectar-se ao futuro.

ebook_c_computaçao

Conheça nossa infraestrutura

Nossos Diferenciais

Curso reconhecido pelo MEC

tendo conquistado conceito 4 na última avaliação.

Matriz curricular

completamente atualizada, que articula ensino, pesquisa e extensão para proporcionar a você uma vivência prática desde os primeiros períodos.

Corpo docente

composto por mestres e doutores, que vivenciam diariamente a prática da profissão e objetivam contribuir para o avanço da ciência.

Parceria com a Microsoft

Infraestrutura

com destaque para o complexo de modernos laboratórios, destinados a práticas em disciplinas.

Pesquisa e monitorias

nos quais os alunos auxiliam os professores em investigações e aulas práticas, nos diversos laboratórios, promovendo a cooperação mútua, o avanço da ciência e o estabelecimento de novas práticas pedagógicas. Confira o Grupo de Iniciação Científica: http://gpitic.com.br/ .

Práticas extensionistas

que viabilizam o contato com a comunidade e o enriquecimento da formação, desde os primeiros períodos.

Biblioteca moderna

com acervo atualizado e acesso aos principais periódicos do mundo, além de ambientes planejados para estudos e recursos tecnológicos de alto padrão.

Convênios

com instituições de destaque e programas de internacionalização, que permitem ao aluno vivenciar parte do curso no exterior, preparando-o para as complexidades da sociedade global.

Estudar na Unit

é ter a certeza de escolher uma universidade que oferta condições concretas para o desenvolver das suas atividades com excelência.

Mercado de Trabalho

O setor de tecnologia da informação (TI) é crescente no Brasil, proporcionando ao Cientista da Computação um vasto mercado de trabalho. De acordo com estudo realizado pela consultoria KPMG, o Brasil é terceiro melhor mercado para indústria de TI dos EUA, por essa razão, o país tem aumento no seu parque tecnológico e na busca por profissionais qualificados. O mercado de aplicativos é o que mais cresce no seguimento de TI, pois os aparelhos celulares, tablets e Smart TV proporcionam aos usuários funções desde o acesso a redes sociais como o pagamento de contas.

O Brasil atingiu a marca de 43 milhões de usuários de smartphone, representando 17% dos celulares do País, devendo chegar a 70,5 milhões em 2017. Além disso, softwares e sistemas operacionais são encontrados em todas as áreas de atuação, como sistemas de engenharia, área de petróleo, bancos, telefonia móvel, por isso, o cientista de computação é imprescindível para o mercado de TI. Ao estudar na Unit, desde os primeiros semestres já é possível ir acumulando experiências por meio de estágios remunerados, com bolsas entre R$ 250 e R$ 724, ofertados pela própria instituição e empresas conveniadas, através da central de estágio.

Ao concluir a graduação os salários superam os R$ 3.000,00. Ao longo da carreira a média salarial ultrapassa os R$ 10 mil. Estudar na Unit é estar à frente do seu tempo e almejar um futuro de muitas conquistas.

Estudar na Unit é estar à frente do seu tempo e almejar um futuro de muitas conquistas.

Área de Atuação

Desenvolver e instalar sistemas de computação, aplicativos, gerenciar bancos de dados e compiladores, são atividades do cientista computacional. A formação profissional na Unit viabiliza a atuação em diversas áreas, desde a assessoria a usuários até a criação de códigos.

O bacharel em Ciências da Computação é responsável pelo planejamento e produção dos sistemas de processamento de informação industrial e robótica. Administrar sistemas de  segurança em empresas, dominar inteligência artificial, reger a qualidade de software, são algumas das possibilidades de atuação. Você poderá também seguir a carreira acadêmica, já pensou em ser pesquisador ou professor? A área é vasta e a escolha é sua!

  • Assessoria a usuários;
  • Criação de códigos para programas;
  • Planejamento e produção dos sistemas de processamento de informação industrial e robótica;
  • Administrar sistemas de segurança em empresas;
  • Criar inteligência artificial;
  • Reger a qualidade de softwares.

Informações

Fabio Batista Santos, Coordenador do curso, possui graduação em Tecnologia em Processamente de Dados pela Universidade Tiradentes (2001) e Especialização em Analise de Sistema com Ênfase em Aplicações Web. MBA em Gestão de Projetos e Mestrado em Ciências da Computação pela Universidade Federal de Pernambuco. Foi professor assistente nivel III da Universidade Tiradentes durante 05 anos. Atuou como Gerente de Serviços de TI Brasil do Grupo Cencosud SA e Gerente de Tecnolgia na Sabe Alimentos. Atuou como professor com Mestrado na Faculdade Mauricio de Nassau. Coordenador dos Curso de Computação na Universidade Tiradentes e Coordenador do MBA em Gestão de Projetos na Universidade Tiradentes

Docente
Titulação Ingresso Regime Disciplinas Lattes
Adolfo Pinto Guimarães Mestre 20/01/2014 Parcial
  • Teoria dos Grafos
  • Teoria da Computação
  • Linguagem Formais e Autômatos
  • Compiladores
  • Computação Visual
  • Inteligência Artificial e Redes Neurais
  • Trabalho de COnclusão de Curso em Computação
Allisson Wesley do Nascimento Venceslau Mestre 08/08/2014 Horista
  • Estatística Computacional
Arquimedes Sidney Lima de Medeiros Mestre 01/11/2010 Parcial
  • Trabalho de Concluão de Curso em Computação
Cássia D' Antonio Rocha da Silva Mestre 01/03/2001 Parcial
  • Criatividade e Inovação
Cassius Gomes de Oliveira Mestre 01/11/2004 Parcial
  • Cálculo I
  • Cálculo Numérico
Catuxe Varjão de Santana Oliveira Mestre 12/09/2014 Parcial
  • Estrutura de Dados I
  • Redes de Computadores I
Cesar Garcia Pavão Doutor 03/08/2015 Horista
  • Geometria Analitica e Algébra Vetorial
  • Cálculo II
Claudio de Oliveira Doutor 02/08/2010 Integral
  • Sistemas Digitais
Cleiton José Rodrigues dos Santos Doutor 13/02/2009 Parcial
  • Sistemas Digitais
  • Sistemas Digitais de Controle
Diego Melo Costa Doutor 02/02/2015 Horista
  • Algebra I
  • Física I
Erica Dantas Pereira Gama Mestre 01/02/2002 Horista
  • Algebra Linear I
Fabio Gomes Rocha Mestre 06/05/2013 Integral
  • Programação Orientada a Objetos I
  • Engenharia de Software
Fernanda Gomes Silva Especialista 01/08/2014 Integral
  • Lógica Matemática
  • Introdução á Programação
Hortência de Abreu Gonçalves Doutor 01/08/1995 Parcial
  • Metodologia Científica
Igor de Oliveira Vasconcelos Mestre 25/07/2011 Parcial
  • Programação Orientada a Objetos I
Isabel Cristina Barreto Silva Doutor 01/11/2010 Integral
  • Empreendedorismo
Lucas Cerqueira do Vale Mestre 01/02/2010 Integral
  • Introdução á Informática
Pablo Marques Menezes Especiailsta 19/01/2015 Horista
  • Trabalho de Conclusão de Curso em Computação
Rafael Oliveira Vasconcelos Mestre 21/07/2014 Parcial
  • Introdução á Programação
  • Estrutura de Dados II
  • Linguagfem de Programação
  • Trabalho de Conclusão de Curso em Computação
  • Programação Orientada a Objetos II
Rodrigo de Avila Rezende Especialista 22/07/2013 Parcial
  • Arquitetura e Organização de Computadores
  • Redes de Computadores
  • Sistemas Operacionais
  • Administração de Servidores
Thiago de Oliveira Lima Especialista 02/01/2012 Integral
  • Banco de Dados
Vírgilio Antônio N. C. de Faro Especialista 18/02/1991 Parcial
  • Introdução á Programação
  • Práticas Investigativas I
  • Práticas Extensionistas I
  • Estágio Supervisionado em Computação

Objetivo Geral

O Curso de Bacharelado em Ciência da Computação tem por objetivo formar profissionais capazes de atender as crescentes necessidades de trabalho na área de computação, com capacidade para pesquisa e criação de novas soluções científicas e tecnológicas, e que atuem na sociedade com qualidade, produtividade, ética profissional e compromisso social.

Objetivos específicos

  • Formar profissionais com capacidade de autoestudo e interesse pela aprendizagem contínua.
  • Formar profissionais com capacidade de aprendizagem de novas tecnologias.
  • Incentivar o aluno a pesquisar novos modelos computacionais.
  • Capacitar o aluno para projetar e construir modelos computacionais para aplicações de naturezas diversas.
  • Capacitar o aluno para projetar, dar suporte à segurança e gerenciar redes de computadores.
  • Capacitar o aluno para racionalizar, selecionar e administrar recursos de hardware e de software.
  • Capacitar o aluno para desenvolver sistemas aplicativos.
  • Preparar o aluno para atuar na pesquisa em áreas afins à computação.
  • Orientar o aluno para uma prática profissional compromissada com a qualidade.
  • Orientar o aluno para uma prática profissional compromissada com a ética profissional e o compromisso social.