V E S T I B U L A R UNIT

O curso de Serviço Social da Unit, reconhecido pelo MEC há mais de 25 anos, forma profissionais críticos e propositivos aptos a atuar nas expressões da questão social, desenvolvendo investigação, construindo diagnósticos, formulando planejamentos, implementando propostas de intervenção para a transformação de realidades.

ebook_ed_fisica

Pague 50% da mensalidade com FIEF

Curso aprovado pelo BNB(Banco do Nordeste) para financiamento do FIES*
*Aguardar publicação do processo seletivo FIES 2018.2 pelo MEC

Conheça nossa infraestrutura

Nossos Diferenciais

Núcleos

Temáticos do exercício profissional vinculados ao estágio supervisionado obrigatório.

Matriz curricular

Completamente atualizada, que articula ensino, pesquisa e extensão para proporcionar a você uma vivência prática desde os primeiros períodos.

Corpo docente

Corpo docente formado por mestres e doutores e uma matriz curricular atualizada voltada para o atendimento do mercado de trabalho.

Infraestrutura

Com destaque para o complexo de modernos laboratórios, destinados a práticas em disciplinas.

Pesquisa e Monitorias

Programas nos quais os alunos auxiliam os professores em investigações e aulas práticas, promovendo a cooperação mútua, o avanço da ciência e o estabelecimento de novas práticas.

Práticas extensionistas

Que viabilizam o contato com a comunidade e o enriquecimento da formação, desde os primeiros períodos.

Parcerias técnicas e intercâmbio

Biblioteca moderna

Com acervo atualizado e acesso aos principais periódicos do mundo, além de ambientes planejados para estudos e recursos tecnológicos de alto padrão.

Convênios

Com instituições de destaque e programas de internacionalização, que permitem ao aluno vivenciar parte do curso no exterior, preparando-o para as complexidades da sociedade global.

Estudar na Unit

É ter a certeza de escolher uma universidade que oferta condições concretas para o desenvolver das suas atividades com excelência.

Mercado de Trabalho

Em um país de proporções continentais e muitas contradições sociais, a evolução das políticas públicas provoca uma ampliação constante na demanda por profissionais da área.

A instalação do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), que descentraliza os serviços socioassistenciais no Brasil, tem proporcionado uma ampliação no número de Centros de Referência de Assistência Social – CRAS –, Núcleos de Atendimento à Família (NAF), Centros de Atenção Psicossocial – CAPS – e Centros de Referência Especializados, que trazem consigo espaços de trabalho para o assistente social. Segundo o Conselho Federal de Serviço Social, a demanda é crescente principalmente na área da saúde, seguida da área de políticas de assistência social. Ainda que a maior parte dos profissionais trabalhe no setor público estadual e municipal, com salário médio de R$ 3.500,00, o trabalho nessa área é amplo tanto nas ONGs quanto no setor privado, com salários que superam os R$ 5.000,00.

Desde os primeiros semestres já é possível ir acumulando experiências através de estágios remunerados, com bolsas entre R$400,00 e R$724,00, ofertados pela própria instituição e empresas conveniadas, por meio do UNIT Carreiras.

Estudar na Unit é estar à frente do seu tempo e almejar um futuro de muitas conquistas.

Área de Atuação

O assistente social é profissional importantíssimo em equipes interdisciplinares do primeiro ao terceiro setor. Profissional propositivo, crítico, sensível às questões sociais, além de atuar na área da saúde, em unidades básicas, ambulatórios especializados e hospitais, integra equipes de gestão e controle de políticas sociais, Conselhos Tutelares, Conselhos de Direitos (de saúde, assistência social, segurança alimentar, dentre outros). Atua também no sistema educacional, em escolas e universidades; no sistema penitenciário; no judiciário, nas varas de justiça da criança e da família, de execuções penais e promotorias públicas; programas habitacionais; e órgãos governamentais como: IBAMA, FUNAI, EMATER e INSS.

A formação profissional na Unit viabiliza ainda a atuação no setor privado, além dos departamentos de recursos humanos, o assistente social poderá trabalhar no desenvolvimento de planejamento estratégico, gerenciamento participativo e programas de prevenção de riscos sociais. Já no terceiro setor, as cooperativas, associações, movimentos sociais e organizações não governamentais são possíveis empregadores. O trabalho como profissional liberal é outra possibilidade, através da prestação de serviços de consultoria e assessoria em programas e projetos sociais. O exercício da profissão é fiscalizado pelo Conselho Federal de Serviço Social – CFESS –, bem como pelos conselhos regionais. Você poderá também seguir a carreira acadêmica, já pensou em ser palestrante ou professor? A área é vasta e a escolha é sua!

Informações

Gilmara Rezende Cardoso Xavier, Coordenadora do curso de Serviço Social - Aracaju, bacharel em SERVIÇO SOCIAL graduada pela Universidade Tiradentes (2008.2), Especialista em Organização e Gestão em Políticas Sociais (2010). Atualmente Professora Assistente I pela Universidade Tiradentes.

Docente
Titulação Ingresso Regime Campi Disciplinas Lattes
Edson Paulo Santos Lima Mestre 02/02/1998 Horista
  • Seminários Temáticos II
  • Sociedade e Contemporaneidade
Jose Wagner Costa de Santana Mestre 15/07/2006 Parcial
  • Pesquisa em Serviço Social II
  • TCC
  • Seminários Temáticos II
  • Sociedade e Contemporaneidade
Katia Maria Araujo Souza Mestre 05/02/1996 Integral
  • Fund. Hist. Teórico Met. do Serviço Social III
  • TCC
  • Movimento Sociais e Serviço Social
Maria José Teles Melo Coutinho Mestre 01/08/1990 Parcial
  • TCC
  • Processo de Trabalho e Serviço Social
Wellington Antonio Santos Silva Especialista 16/07/2012 Integral
  • Estágio Supervisionado II

Objetivo Geral

Formar profissionais com fundamentação teórico-metodológica, ético-político e técnico-operativa, capazes de analisar e compreender criticamente a realidade, nela intervindo de forma propositiva respondendo às demandas sociais emergentes em Sergipe e no Nordeste em face das expressões da “questão social”, assim contribuindo para o desenvolvimento e transformação social.

Objetivos específicos

  • Oportunizar uma formação acadêmica e intelectual generalista crítica, que possibilite aos futuros profissionais sua inserção nos espaços sócio-ocupacionais numa perspectiva de totalidade;
  • Fomentar, através do desenvolvimento de atividades de pesquisa e de extensão, atitudes críticas e reflexivas que possibilitem a inserção dos alunos na realidade e estimulem a análise e compreensão da mesma, bem como a produção de conhecimento técnico-científico;
  • Desenvolver competências e habilidades compatíveis com os desafios contemporaneamente postos à profissão em face do agravamento e exacerbação das expressões da “questão social” e em sintonia com os objetivos profissionais;
  • Formar profissionais capazes de atuar no âmbito das políticas sociais, públicas e privadas, em nível de gestão, elaboração, planejamento, avaliação e execução, garantindo aos usuários do Serviço Social a participação e o controle social, em uma perspectiva que busque a emancipação humana;
  • Refletir sobre atitudes e princípios éticos pautados em uma ação profissional sintonizada com a realidade sociocultural.