V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Atividade de extensão no combate ao racismo

Dentre os temas propostos como atividade acadêmica, alunos de História decidiram por estudar o racismo vivido por comunidades indígenas

às 19h34
Como resultado de todo um trabalho desenvolvido ao longo do período, os estudantes elaboraram uma programação que mescla exposição fotográfica, palestra e exibição de vídeo.
Adauto Freire Filho
Adauto Freire Filho
Alunos reunidos em torno da programação
Compartilhe:

Adauto Freire Filho, aluno do curso de História na modalidade EAD é um dos membros das equipes que se debruçaram sobre o preconceito existente em grupos minoritários.

Empolgado com a sugestão proposta pela professora como tema de avaliação, Adauto e os seus colegas foram até onde vivem os remanescentes Xocó para constatar seus costumes e a forma como eles são vistos dentro do contexto da sociedade.

“Acho esse um momento ímpar. Reviver a história dos Xocó para nós foi muito importante enquanto alunos do curso de História, porque conseguimos desenvolver essa programação intitulada ‘Um dia contra o racismo’”, revela o acadêmico que teve a chance de participar no mês de setembro do Toré, um ritual que une dança, religião, luta e brincadeira podendo variar de acordo com a cultura de cada nação indígena.

Valéria Oliveira, professora da disciplina Práticas III, salienta que seus alunos tiveram como tarefa executar durante todo o semestre letivo um projeto de extensão cujo tema é voltado para o combate ao racismo.

“A turma do Campus Centro escolheu estudar o racismo contra a cultura indígena e como resultado prepararam essa programação que engloba uma exposição fotográfica, palestra e exibição de um vídeo feito pela Unit em 2012”, diz a professora Valéria satisfeita com o resultado obtido. “Mostra o interesse dos alunos por um tema urgente em nossa sociedade, tendo em vista tantas agressões contra os direitos dos índios e tantas outras manifestações de racismo e discriminação”, conclui a docente.

Compartilhe: