V E S T I B U L A R UNIT
MENU

O que preciso saber antes de comprar dólares?

Antes de comprar ou vender dólares é importante acompanhar as notícias, a oscilação das taxas e alimentar a carteira aos poucos.

às 11h57
Imagem: Freepik
Imagem: Freepik
Compartilhe:

O dólar americano é a principal moeda para quem vai viajar para o exterior, fazer importações ou investimentos. Mas antes de realizar qualquer transação é preciso estar atento a algumas informações, entender a movimentação do mercado financeiro e como ele influencia nos valores de compra e venda praticados.

É possível comprar e vender a moeda americana em vários lugares. Casas de câmbio (corretoras), bancos, agências de turismo e até hotéis. Ela é comercializada em espécie, cartões de débito multimoedas e de crédito internacional. Em cada uma dessas transações, são aplicadas os seguintes percentuais de Imposto sobre Operações Financeiras (IOF):

  • Em espécie: é aplicado 1,1% a mais no valor da moeda comprada;
  • No cartão de débito (multimoedas): 6,38% sobre o valor total carregado no cartão
  • E no cartão de crédito: os mesmos 6,38%, porém baseados no valor da compra feita em dólar

Mas, afinal, por quanto é possível comprar o dólar? Depende da cotação diária. Isso porque toda moeda sofre oscilação e o valor muda quase que diariamente. Ao pesquisar a cotação, é preciso entender que existem o dólar comercial e o dólar turismo.

Enquanto o dólar comercial é aplicado nas importações, exportações e transações do governo e empresas, o dólar turismo é a cotação para viagem, que costuma ser mais caro do que o comercial. Ou seja, aquele valor que é informado quase todo dia nos jornais refere-se à cotação do dólar comercial.

Não se sabe com certeza qual o melhor momento para comprar ou vender dólar americano. Por isso, quem está de viagem marcada precisa acompanhar as notícias, planejar e fazer uma reserva financeira específica para a transação e comprar a moeda um pouco por vez.

*Com informações de Creditas e Deboni Câmbio

 

Conheça nosso curso de Trade de Investimentos

Leia também: Descobrindo o AVA: conheça as funcionalidades do ambiente virtual da Unit

Compartilhe: