V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Unit oferece capacitação em Libras para servidores da SMS

Cerca de 90 servidores da Secretaria Municipal de Saúde de Aracaju serão capacitados em Libras para atendimento às pessoas com surdez.

às 14h36
Foto: Asscom/SMS
Foto: Asscom/SMS
Compartilhe:

Em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Aracaju, a Universidade Tiradentes ofereceu um curso de capacitação em Libras para os profissionais das recepções das Unidades Básicas de Saúde (UBs) do município. O objetivo é facilitar a comunicação entre os servidores e os usuários surdos em relação ao cotidiano de uma UBS, como solicitação de exames e consultas, além de saudações básicas. Cerca de 90 recepcionistas serão capacitados.

“A secretaria pediu esse treinamento em Libras para os recepcionistas das Unidades Básicas de Saúde. São mais de 40 UBSs que o município tem. Nós utilizamos as Unidades Básicas de Saúde e vários outros espaços da Secretaria Municipal para a realização das práticas acadêmicas dos nossos alunos dos cursos da Saúde da Unit”, diz a supervisora do internato do curso de Medicina, Drª Wanessa Lordêlo.

“Em contrapartida, conforme previsto em convênio, a Unit realiza capacitações, treinamentos e disponibiliza vagas em eventos realizados pela instituição, além de oferecer também o espaço físico da universidade para a utilização da secretaria”, informa.

Os recepcionistas serão divididos em duas turmas, uma de 20 e outra de 25. Todo o conteúdo foi programado para o atendimento básico, porém clínico e específico da área da Saúde. “Os profissionais conseguiram evoluir e avançar nessa capacitação de experiência e de imersão ao uso da libra. Dialogamos, também, sobre a legislação nº 10.436, que fala sobre o direito ao surdo de ser atendido, utilizando a sua língua natural, que é a língua de sinais”, explica a tradutora e intérprete em Libras da Unit, Kathia Cilene Nascimento.

“Toda a aula é muito prática e acredito que os resultados serão os melhores, levando um atendimento adequado para a pessoa com surdez”, enfatiza.

*Com informações da Secretaria Municipal de Saúde

 

Leia também: Aluno surdo de Educação Física conta sua relação com a música

Compartilhe: