V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Enade 20222: saiba como funciona e como se preparar para a prova

Os alunos da modalidade de educação a distância também realizam a prova; confira quais são os cursos que vão entrar esse ano

às 15h20
Compartilhe:

O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) é uma prova aplicada desde 2014 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) juntamente com o Ministério da Educação (MEC) e que tem como objetivo avaliar a qualidade da educação superior das instituições brasileiras. Os participantes do exame são alunos ingressantes ou concluintes de cursos de bacharelado, licenciatura e tecnólogo, sendo que apenas os concluintes participam da prova

O exame é composto por 40 questões, sendo 10 de Formação Geral (duas dissertativas  e oito objetivas) e 30 de Componente Específico (três dissertativas e 27 objetivas). A periodicidade máxima da avaliação é trienal para cada área do conhecimento. Por isso que há uma seleção de cursos de graduação a cada ano. No entanto, só a cada três anos os cursos se repetem. 

Este ano a prova do Enade será aplicada no dia 27 de novembro. Entre os cursos bacharelados presenciais e na modalidade de Educação a Distância (EAD) da Universidade Tiradentes (Unit) serão avaliados os cursos de Administração, Ciências Contábeis, Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Direito, Psicologia, Gastronomia, Gestão Comercial, Gestão de Recursos Humanos, Gestão Financeira, Gestão Pública, Logística, Marketing e Serviço Social.

Os preparativos para a prova, de acordo com o gerente de qualidade, da pró-reitoria de graduação da Unit, Antonio Minoru, são feitos a partir dos simulados, resultados e sua análise, além do estudo comparado com os resultados do último ciclo avaliativo do curso. “Procuramos oferecer aos estudantes as melhores ações estratégicas (oficinas, palestras, etc) para retomar saberes e competências fragilizadas e potencializar o que fora identificado como satisfatório no nível de aprendizagem significativa. Além disso, estamos desenvolvendo ações de acompanhamento contínuo e permanente do rendimento do nosso estudante nas avaliações da sua aprendizagem, ao longo da sua formação”, afirma.

O gerente ainda pontua que se destacam, por exemplo, o programa de ‘Formação Individual e Completa (FIC)’, eixo principal da Gestão de Aprendizagem, o que garante um mapeamento dos fatores que interferem no processo de aprendizagem do estudante a partir do momento que ele entra na universidade. “Entretanto, a nossa meta não é o Enade, mas sim o processo de aprendizagem significativa do nosso estudante para a sua atuação socioambiental e profissional”, pontua Antonio.

O Enade é de grande importância para o estudante, é um momento de autoavaliar o seu desempenho em relação às competências adquiridas durante a sua formação. Serão postos diversos cenários que vão mobilizar domínios cognitivos (compreender, analisar, avaliar, etc) em conteúdos intrínsecos à sua formação, bem como temas exteriores ao âmbito específico de sua profissão, ligados à realidade brasileira e mundial e a outras áreas do conhecimento. 

Além disso, as vantagens adquiridas pelo estudante segundo Antonio, são as seguintes:

  • Reconhecimento por pertencer a um curso nacionalmente bem avaliado;
  • Representará colegas e docentes do seu curso;
  • Reconhecimento por fazer parte de um coletivo de estudantes diferenciados;
  • Obterá uma melhor visibilidade, reconhecimento e acolhimento no mercado de trabalho;
  • Contribuirá, com uma boa nota no Enade (individual e coletiva), na ampliação de oferta de bolsas FIES e PROUNI para os futuros estudantes que desejam fazer uma graduação;
  • Obtém pontuações significativas para concorrer a bolsas de estudo em pós-graduação.

Enade e estudantes do EAD

No último Enade, os alunos participantes estavam matriculados em 1.312 instituições de ensino superior de todo o Brasil. Uma das principais novidades da edição foi que, pela primeira vez, a maioria dos inscritos, 52%, estudavam a distância.

Os cursos EAD e presenciais são avaliados com a mesma prova, o conceito Enade é calculado do mesmo jeito e na comparação dos resultados  não importa se é presencial ou EAD. Depois de tudo calculado é que são separados os cursos presenciais dos cursos a distância. 

Antônio ainda conta que houveram algumas mudanças significativas no Enade. “Recentemente, o MEC/INEP publicou uma alteração no Edital Enade que reserva ao INEP o direito de alteração de município de aplicação da prova, garantindo a segurança e a logística do exame, sendo que os estudantes afetados por esta mudança serão realocados para um município próximo e viável, logisticamente, aos mesmos”, finaliza.

Leia também: Porque o EAD é uma excelente opção para a segunda graduação

Compartilhe: