V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Experiências do aluno EAD que tornam o currículo versátil

Facilidade com o uso das tecnologias, adaptação a novas rotinas e organização são algumas das características do aluno do ensino a distância

às 16h43
Compartilhe:

O Ensino a Distância (EAD) é um dos que mais crescem no país. De acordo com dados do Ministério da Educação (MEC), o aumento era de 18% ao ano, mas com a pandemia aumentou em 21%, o que representa milhões de matrículas nas universidades. É possível realizar diversos tipos de cursos, assim como graduações e pós-graduações. 

Quando o aluno recebe o diploma de conclusão do curso, não consta se foi a distância ou presencial, mas caso o estudante coloque que realizou uma graduação EAD no currículo mostra que o profissional conta com conhecimento acadêmico e evidenciará a apresentação de outras habilidades como o uso de tecnologias, facilidade em adaptação de rotinas e organização.

Na Universidade Tiradentes (Unit), o aluno conta com o Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) que possui inúmeras ferramentas à disposição para aprender das mais diversas maneiras, além do corpo docente qualificado que utiliza metodologias ativas tornando o aluno protagonista do próprio aprendizado, isso faz com que ele se destaque no mercado de trabalho, já que durante a graduação adquiriu habilidades que podem ser diferenciais importantes.

A gerente do Unit Carreiras, Janaína Machado orienta para os alunos que estão fazendo o currículo o que não pode faltar de jeito nenhum. “Colocar o objetivo profissional, formação acadêmica, experiência profissional e atividades curriculares. Mas o que não pode faltar é que na experiência profissional devem estar descritos os projetos de extensão, monitoria, trabalhos voluntários, algum intercâmbio e dizer realmente o que está buscando”, explica.

A gerente ainda pontua que não é porque o aluno não tem uma experiência formal que ele deixa de ter experiência. “Tudo conta, principalmente a vivência do aluno no currículo. Ele só precisa aprender como descrever isso. O aluno EAD muitas vezes já está pronto para ingressar ou se recolocar no mercado de trabalho e está buscando o curso nessa modalidade para se aperfeiçoar ou buscar um crescimento dentro da empresa que quer atuar. Além do mais, ele tem uma disponibilidade grande de trabalho porque o horário acaba se tornando flexível de estudo”, reitera Janaína.

Outro ponto que a gerente destaca é a valorização das habilidades do aluno que estuda neste formato. “A habilidade é o saber fazer! É importante valorizar a experiência vivenciada por ele, além das competências socioemocionais como, determinação, liderança, gestão de tempo e uso da tecnologia. Normalmente o aluno do EAD sabe lidar com tecnologia, navegar em plataformas e administrar ferramentas online, sendo habilidades bastante valorizadas no mercado de trabalho”, ressaltou a gerente. 

Leia também: Conheça os cursos EAD preferidos dos estudantes

Compartilhe: