V E S T I B U L A R UNIT
MENU

O diferencial dos alunos de cursos EAD no mercado de trabalho

Alunos de ensino a distância têm a chance de desenvolver, durante a graduação, habilidades que o preparam para a jornada profissional no mercado de trabalho

às 20h54
Foto: Freepik
Foto: Freepik
Compartilhe:

Construir os próprios horários, sentar em frente ao computador e escolher quando iniciar os estudos do dia. Assim funciona o Ensino a Distância (EAD), modalidade que tem crescido nos últimos tempos, engajando alunos e professores num elo virtual de aprendizagem e compartilhamento de ensino. Mas o EAD vai além da sala de aula, isso porque, os estudantes dessa modalidade possuem diferenciais que o mercado de trabalho precisam.

Além de ser prático, o EAD possibilita ao estudante a chance dele mesmo ser o protagonista do próprio aprendizado, já que o discente é quem dita o ritmo de estudo, bem como a realização de atividades e trilhas de ensino. Essa característica, fomentada desde o início da graduação ou pós-graduação, concede ao estudante autonomia, senso de tomada de decisões, responsabilidade e organização para otimizar o tempo entre os estudos, marcando um diferencial no perfil do estudante que opta pelo Ensino a Distância. 

A preparação do estudante EAD para a vida profissional

Por ser uma modalidade de ensino onde o estudante é o protagonista do próprio aprendizado, desde cedo ele começa a desenvolver habilidades que, futuramente, irão ajudá-lo no mercado de trabalho. Organização, compromisso e proatividade são algumas das competências que os alunos dos cursos EAD da Universidade Tiradentes (Unit) conhecem bem. O Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), plataforma da Unit onde o aluno tem acesso a todo o conteúdo do curso, é preparada visando o aperfeiçoamento das aptidões, sempre cobrando do aluno o compromisso necessário para conquistar o tão sonhado diploma. Por isso, engana-se quem pensa que EAD é moleza. 

Com o mundo cada vez mais tecnológico, pessoas que têm uma maior facilidade com dispositivos digitais podem ser vistas como mais preparadas para o mercado de trabalho se comparado àqueles que sabem apenas o básico. Por estarem imersos nesse ambiente tecnológico, os estudantes de EAD que utilizam diariamente plataformas digitais para estudar podem estar mais preparados e familiarizados com qualquer tipo de interação tecnológica, carimbando mais um diferencial que os colocam à frente no mercado de trabalho. 

Habilidades que fazem diferença no mercado de trabalho

Atributos como estes podem ser enxergados como um diferencial para o mercado de trabalho, principalmente após a chegada da pandemia, que obrigou o mundo inteiro a ter um olhar diferente para o on-line, fazendo com que mais pessoas conhecessem as suas vantagens. Outro benefício do ensino a distância é o fato do estudante não precisar perder tempo se deslocando até a universidade, facilitando assim a conciliação entre os estudos e compromissos pessoais. 

Segundo dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e do Ministério da Educação (MEC), os cursos de ensino a distância no Brasil tiveram um aumento no número de matrículas, tanto na rede pública quanto na privada, em 2020. De 3,7 milhões de ingressantes de 2020, mais de 2 milhões (53,4%) optaram por cursos a distância e 1,7 milhão (46,6%), pelos presenciais. Essa alta procura pode ser explicada pela flexibilidade, mas também pelo fato de o EAD estar sendo recebido, cada vez mais, com confiança pelo mercado de trabalho. 

Leia também: Desafios do Ensino a Distância e como superá-los

Compartilhe: