V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Desafios do Ensino a Distância e como superá-los

Toda modalidade educacional possui desafios, o EAD é uma delas. Entretanto superá-los não é uma missão impossível. Conheça algumas estratégias para vencê-los

às 18h36
Professor tutor, Alan Farias Costa
Professor tutor, Alan Farias Costa
Compartilhe:

Desde que começou a ser efetivado no Brasil, a Educação a Distância (EAD) tem facilitado o acesso à educação por meio das ferramentas tecnológicas. Segundo o Censo de Educação Superior, nos últimos 10 anos, o índice de novos alunos de EAD aumentou 428,2%. A qualidade do ensino e a natureza flexível tornam a educação a distância uma modalidade vantajosa para diversas pessoas. 

No entanto, por mais vantajosa que seja, existem alguns desafios que o aluno precisa enfrentar, mas que felizmente podem ser vencidos facilmente. Saiba quais são eles e como contorná-los de forma eficaz:

Não interagir com outros discentes

Por ser uma modalidade onde o aluno é o responsável pelo próprio aprendizado, muitas vezes o contato com a turma pode parecer difícil no início. A boa notícia é que esse é um obstáculo que pode ser resolvido facilmente. 

O Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), plataforma da Universidade Tiradentes (Unit) que dará acesso direto ao aluno ao conteúdo das disciplinas, conta com fóruns de discussões e salas de bate-papo que aumentam a interação entre a turma. Isso significa que mesmo na educação online, é possível fomentar discussões sobre assuntos da disciplina com outros alunos, ajudar na resolução de dúvidas a respeito do conteúdo ou, ainda, estreitar laços de amizades com os futuros colegas de profissão. 

Falta de disciplina

Por mais que a flexibilidade seja uma grande aliada no EAD, ela também pode dificultar a vida do aluno que não saiba lidar com ela. Ter organização, foco e disciplina são pilares fundamentais para o sucesso acadêmico, já que, apesar de haver apoio pedagógico, o grau de supervisão docente das tarefas desenvolvidas é menor neste formato educacional. 

Por isso, é importante que o aluno estabeleça horários de estudo e se concentre somente nos afazeres acadêmicos neste momento. Deixar a televisão desligada e o celular distante ajudam a manter a concentração necessária durante os estudos. 

Não gerenciar o tempo 

Para que o curso seja o mais proveitoso possível, é importante que o estudante consiga gerenciar adequadamente o tempo. A melhor forma para conseguir otimizar o tempo é realizar um planejamento das atividades acadêmicas que precisam ser concluídas no decorrer da semana. Listar as atividades que serão realizadas e estimar um tempo para a efetivação de cada uma delas ajuda o estudante a ter dimensão real de quanto tempo por dia ele precisa dedicar aos estudos. Também é importante que os estudos sejam feitos em um local tranquilo e confortável. 

E como superar esses desafios?

O professor tutor da Universidade Tiradentes (Unit), Alan Farias, ressalta que não é porque o EAD é uma modalidade de ensino diferente, que isso é algo negativo. “Estudar a distância é uma oportunidade para a gente ir de encontro a inovação, a tecnologia e ao século 21, que é esse século do digital. Para a gente superar o fato de que nós não estudamos a vida inteira de forma online, que não é tão comum para a maioria das pessoas, a gente precisa mergulhar e se permitir. É uma oportunidade para a gente ter contato com o tecnológico e com a inovação, que estão tão presentes no nosso dia a dia”, ressalta.

O professor também frisa a importância do EAD para formar pessoas capacitadas para o mercado de trabalho, que está cada vez mais exigente. “O mundo de uma maneira geral exige que as pessoas sejam autônomas, proativas, que consigam fluir de uma forma independente. São coisas trabalhadas no EAD e que acabam contribuindo com a atuação profissional desse futuro egresso, porque ele vai precisar lidar com a tecnologia e com a inovação”, finaliza. 

Agora que você descobriu os benefícios do ensino a distância e como vencer os desafios impostos por ele, qual curso do Unit EAD você irá escolher? 

Leia também: Tecnologia e educação: um caminho repleto de vantagens

Compartilhe: