V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Tutoria de relacionamento para alunos do EAD: saiba como funciona

Além de estreitar o relacionamento entre o professor tutor e aluno, a tutoria traz inúmeras vantagens para o desenvolvimento do aluno na graduação

às 21h40
Compartilhe:

Um dos grandes desafios da Educação a Distância (EAD) é estreitar os laços entre os alunos e professores tutores, isso porque o fato do ensino ser a distância torna o contato muitas vezes opcional. Pensando em diminuir essa distância e resumi-la apenas em espaço e tempo, é que existe a tutoria de relacionamento.  

A tutoria de relacionamento, de acordo com a professora tutora do polo EAD da Universidade Tiradentes (Unit) em Arapiraca (AL), Érika Costa, teve início no ano de 2019 em formato digital, com a finalidade de estabelecer um primeiro contato com o aluno, via whatsapp. A iniciativa surgiu no polo/campus da Unit na cidade de Aracaju/SE, mas já está presente em quase todos os polos.

“No ano seguinte, em 2020, tivemos um crescimento significativo nas matrículas de cursos online, nos demais polos, demandando um novo olhar para a operação da tutoria. Desde então, o projeto tem ganhado novos traços e expandido para os demais polos, motivados pela mudança da realidade, ou seja, a ampliação do nosso corpo discente. Vale salientar que somente esse semestre iniciamos a execução nos demais polos”, afirma a professora tutora.

Tutoria de relacionamento online

A tutoria de relacionamento possui três frentes importantes:

A primeira delas trata-se do acolhimento em si, o momento em que os tutores de relacionamento acolhem o aluno calouro para iniciar a sua ambientação para os estudos a distância com o uso do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA). 

“Nesse momento, apresentamos o modelo EAD, orientamos os alunos sobre as técnicas e estratégias de estudo, auxiliamos os alunos calouros e veteranos para a navegação no AVA. Assim como, monitoramos os dashboards de acesso ao AVA, tal monitoramento nos conduz ao estabelecimento de contatos com os alunos sem assiduidade. Para tanto, desenvolvemos estratégias acadêmicas e pedagógicas para o sucesso dos nossos alunos”, explica.

A segunda frente, ainda ligada ao acolhimento, refere-se ao contato mais próximo desse aluno, através do e-mail e do whatsapp. “Essa frente visa manter uma comunicação frequente e efetiva, através de projetos e campanhas institucionais, bem como, a promoção de eventos (internos e externos). Essa frente nos coloca na condição de apoiadores da gestão do nosso polo, uma vez que contribuímos diretamente para o planejamento e organização de eventos”, pontua a professora tutora. 

E, a terceira frente, corresponde à aplicação de avaliações presenciais obrigatórias, que esse aluno da modalidade 100% online, precisa realizar presencialmente no Polo. Ou seja, além de aplicar as avaliações presenciais, quando necessário, os professores tutores mantêm os alunos informados sobre o calendário e ações acadêmicas institucionais. 

“Outro fator importante é o fato desse aluno, inicialmente alcançado pela tutoria de relacionamento, ser da modalidade online, o que o faz um aluno que pouco frequenta o polo, consequentemente, tem mais dúvidas que o aluno da modalidade semipresencial e quando não sanadas acabam evadindo ou tendo muitas dificuldades no processo de aprendizagem”, completa Érika.

A professora tutora ainda conta que esse projeto foi pensado e vem sendo melhorado com o objetivo de contribuir para a vida acadêmica dos alunos, desde a sua entrada até a saída da universidade. “O aluno é o maior beneficiado, uma vez que prezamos pela qualidade de sua formação profissional. Além disso, todos os alunos ingressantes nos cursos EAD são nossos públicos alvos. Prioritariamente os calouros, o que não impede de assistirmos também os alunos veteranos da modalidade online que estão passando por algum tipo de dificuldade”, finaliza.

Leia também: EAD para alunos autistas: a importância do acompanhamento e inclusão

Compartilhe: