V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Como aproveitar as aulas virtuais e tornar a aprendizagem prazerosa

Métodos para concentração dos estudantes é assunto que preocupa e mobiliza o Núcleo de Apoio Psicossocial da Unit. Bate-papo virtual da última semana tratou deste tema

às 01h00
Karen Sasaki
Karen Sasaki
Nanci Mitsumori
Compartilhe:

Por Raquel Passos e Quésia Cerqueira

“Reflexões sobre o aproveitamento das aulas virtualizadas” direcionou a discussão virtualizada do último dia 18, que deve ser explorada não somente em período pandêmico, mas precisa ser travada pelas autoridades sanitárias. 

“O objetivo do Núcleo de Apoio Psicossocial – NAPPS – da Universidade Tiradentes com esse bate-papo é fazer com que o processo de aprendizagem seja o mais prazeroso possível para os estudantes com dificuldades de concentração durante as aulas remotas”, explica a coordenadora do NAPPS da Unit, professora Kátia Maria Araújo

A professora doutora Karen Sasaki motivou a entender que existem mudanças que a pessoa precisa passar antes de superar. “A vida é feita de ciclos, de altos e baixos. Não é fácil conciliar todos os interesses, mas adaptar-se às adversidades e assim construir uma nova rotina que concilie as demandas do dia a dia”, pontua a gerente acadêmica da Unit EaD.

Segundo ela, a Educação a Distância foi toda programada para que o aluno estude em casa, já o presencial não. “Por isso muitos estudantes estão tendo dificuldades de criar uma rotina de estudo em casa, pois estão habituados a ter uma grade montada pela universidade. Se a gente não começar a parar para pensar em metodologias ativas, estratégias e recursos didáticos que mobilizem saberes cognitivos com aprendizagem ativa, os alunos ficarão com duas telas: uma para o professor e outra pra diversão”, afirma Sasaki.

Porém, a mudança das aulas presenciais para remotas é uma realidade que precisa ser encarada como um desafio positivo. “Isso de forma construtiva, para o crescimento educacional. Para se ter ideia, houve um aumento de pessoas procurando o NAPPS para relatar que estavam angustiada com a realidade das aulas remotas, poia não tinham familiaridade com o mundo digital e isso gerou ansiedade”, coloca a psicopedagoga do NAPPS, professora Nanci Mitsumori.

Aprendizagem prazerosa

Durante a live “Reflexões sobre o aproveitamento das aulas virtualizadas”, os participantes puderam fazer perguntas via chat. Ana Tavares compartilhou seu ponto de vista sobre a situação atual:​ “As aulas virtualizadas transformaram toda a estrutura educacional. A princípio, foi um susto, pois tudo que é novo, é tendencioso a trazer uma sensação de impotência, contudo, agora é fundamental”.

Para garantir a inclusão, a live contou com a participação das intérpretes de libras Cledineide e Maria Cristina. 

Para assistir na íntegra, acesse este link.

Compartilhe: