V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Egressa de Radiologia é aprovada em mestrado de Energia Nuclear da UFPE

Vitória Carolina Spósito foi aprovada em 4° lugar geral do processo seletivo e trabalhará na área de Dosimetria do Estado Sólido.

às 12h00
A egressa do curso de Radiologia da Universidade Tiradentes, Vitória Carolina Spósito
A egressa do curso de Radiologia da Universidade Tiradentes, Vitória Carolina Spósito
Compartilhe:

A egressa do curso de Radiologia da Universidade Tiradentes, Vitória Carolina Spósito, foi aprovada em 4° lugar geral no Programa de Pós-Graduação em Tecnologias Energéticas e Nucleares da Universidade Federal de Pernambuco – UFPE. A mestranda trabalhará na área de Dosimetria do Estado Sólido no Departamento de Energia Nuclear da instituição de ensino.  

“Após algumas disciplinas de pesquisa durante a graduação, notei que a ciência sempre foi e será importante para o desenvolvimento de diversas tecnologias. Acabei me motivando ainda mais quando tive o meu primeiro resumo publicado e premiado, em 2018, no meu primeiro ano de graduação”, declara Vitória Spósito. O trabalho com o tema “Abordagem Imagiológica na Neoplasia Pulmonar” ficou em 2° lugar no IV Simpósio Sergipano de Tecnologia Radiológica.

“Outro artigo com o tema ‘Avaliação do conhecimento da radiação ionizante e diagnóstico por imagem em uma determinada população da cidade de Aracaju – SE’ será publicado este ano na Revista Encontro X. Diante disso, mantive meu foco na área de pesquisa e, após a graduação, obtive essa conquista”, acrescenta. 

Para Vitória, o curso de Radiologia ofereceu diversas oportunidades e alternativas para escolher a área de maior identificação. “A Radiologia sempre foi colocada como uma das minhas primeiras opções de escolha quando se referia à graduação de nível superior. As diversas possibilidades que o curso oferece após a graduação, como ressonância magnética, radioterapia e tomografia computadorizada, sempre me deixaram instigada a aprofundar todo o meu conhecimento”, salienta. 

“Além disso, tive a chance de desenvolver laços com os professores, coordenadores e amigos de turma que serão eternos. A Universidade Tiradentes, juntamente com toda a sua estrutura e equipe profissional, colaborou com todo o meu aprendizado e ensinamentos que levarei para sempre”, complementa.

“Tive a satisfação de ser docente de Carol na disciplina de Semiologia e, desde a primeira aula, percebi a capacidade de argumentação e propriedade no conhecimento que a aluna possuía, mesmo ainda no 2º período da graduação. Desde aquele momento, soube que Carol iria longe”, enfatiza a professora Patrícia Almeida, coordenadora operacional do curso de Radiologia da Unit. 

“Eu sou só orgulho dessa menina alegre, de sorriso fácil, que possui imensa vontade de saber sempre”, finaliza a docente.  

Veja também: Pandemia: estagiária de Enfermagem atua na construção de protocolo em hospital.

Compartilhe: