V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Gastroenterite causada por Salmonella pode ser fatal

A docente do PBI/Unit, doutora Maria Lucila Hernández Macedo, explica como as infecções por Salmonella podem atingir os humanos.

às 19h08
Imagem: Infoescola
Imagem: Infoescola
Compartilhe:

A gastroenterite é a inflamação das paredes do estômago e dos intestinos grosso e delgado. Por se tratar de uma doença comum, com casos de diarreia, dor abdominal, cólicas, náusea, vômitos, fraqueza e desidratação, a gravidade da situação é ignorada. Muitos quadros são causados por vírus e bactérias como o rotavírus, o E. colli e o Adenovírus. Além destas, também pode ser causada pela Salmonella e ser fatal. 

“A Salmonella é um microorganismo do grupo das bactérias, especificamente da família das Enterobacteriaceae. Este tipo de bactérias tem preferência por habitar o trato gastrointestinal e é responsável por uma ampla gama de infecções em humanos e animais. O trato gastrointestinal de animais e humanos é o local que serve de reservatório desta bactéria”, explica a docente do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia Industrial da Universidade Tiradentes (Unit), doutora Maria Lucila Hernández Macedo.

Desta forma, a Salmonella pode ser dispersa em diversos tipos de ambientes contaminados por fezes, como água e alimentos. “A infecção ocorre pela ingestão de água e alimentos contaminados. Isto é, consumo de hortaliças sem higienização, consumo de carnes, ovos crus ou mal passados. Pode ocorrer também por falta de higienização das mãos durante o preparo dos alimentos que, ao serem ingeridos, as bactérias são conduzidas ao trato intestinal das pessoas”, acrescenta.

 De acordo com a professora, as infecções por salmonella podem resultar em três principais doenças: febre tifóide, febre paratifóide e infecção por Salmonella não tifóide (NTS). “As infecções mais recorrentes são as febres tifóide e paratifóide causadas por Salmonella typhi e Salmonella entérica serovar Paratyphi (S. Paratyphi), respectivamente. Estas infecções são caracterizadas por gastroenterite cujos sintomas podem ser diarreia, cólicas, náuseas, vômitos e febre baixa. As infecções NTS são restritas a gastroenterite (náuseas, vômitos e diarreia) ou bacteremia ocasional (disseminação da infecção no corpo), e geralmente não são fatais”, esclarece Maria Lucila.

“Porém, a Salmonella também pode causar complicações mais sérias tais como septicemia (sepse), sintomas imunológicos, leucopenia e sintomas neurológicos. Essas complicações tifóides e paratifóides são responsáveis por mortes em todo mundo”, ressalta.

Como combater

A principal forma de combater as infecções por Salmonella é a higienização adequada das mãos e de alimentos crus (vegetais), uso de água tratada e cozimento correto de ovos e carnes. No entanto, uma vez instalada a infecção, geralmente, o combate é feito com o uso de antibióticos e probióticos. “É importante lembrar que o diagnóstico e a orientação do uso de antibióticos específicos deve ser feito pelo médico, uma vez que, o uso indiscriminado destes medicamentos vem gerando problemas de surgimento de bactérias resistentes a esses fármacos”, conclui a professora.

 

Leia também: Khosta-2: entenda o que é novo vírus descoberto na Rússia

Compartilhe: