V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Na hora de investir, você sabe diferenciar as instituições financeiras?

Saber a diferença entre as instituições financeiras e a forma como cada uma delas atua ajuda a alcançar objetivos nos investimentos

às 12h45
Conhecer a área e as opções que o mercado oferece é fundamental para quem quer fazer investimentos (Unsplash)
Conhecer a área e as opções que o mercado oferece é fundamental para quem quer fazer investimentos (Unsplash)
Compartilhe:

Quando o assunto é investir e obter lucratividade, é preciso conhecer e saber diferenciar as instituições financeiras. Segundo especialistas em investimentos, esse é o primeiro passo para alcançar os objetivos traçados.

Para se ter uma ideia sobre a oferta do mercado financeiro, há cerca de 30 tipos diferentes de instituições financeiras no país, sendo todas reguladas pelo Banco Central. A grande maioria, a exemplo dos grandes bancos, prestam serviços básicos que vão desde a abertura de contas, pagamentos, financiamentos, empréstimos e outros que costumamos utilizar em nossa rotina.

Outras instituições focam nas operações de investimentos, que contemplam todas as modalidades, bem como aquelas cujo objetivo é a operação de crédito ou câmbio, entre outros serviços específicos para quem pretende investir.

“É muito comum no universo dos investidores utilizar o termo ‘informação é poder’, e isso, não é por menos, pois é preciso buscar informação sobre as instituições e sobre os melhores tipos de investimentos para de fato, fazer um bom negócio. Quanto mais conteúdo, mais informação, mais preparado você estará para dar o primeiro passo e tomar a decisão mais acertada na hora de investir o seu dinheiro”, orienta o professor de economia Lucas Sorgato, docente do Centro Universitário Tiradentes (Unit Alagoas), que acrescenta: buscar orientação de um profissional qualificado ou de empresas especializadas em investimentos, as quais sejam reconhecidas no mercado financeiro, é uma boa opção. 

“Realizar um investimento que gere lucros e que seja interessante para o seu perfil e os seus objetivos, tanto os de médio, quanto os de longo prazo, nem sempre é tarefa fácil em um universo com tantas instituições financeiras e tantas possibilidades. Por isso, neste processo de se informar e entender como tudo funciona, é interessante buscar também ajuda profissional. Há no mercado consultores financeiros e empresas especializadas em investimentos que podem esclarecer dúvidas e ajudar o investidor a identificar o melhor tipo de investimento a ser feito. Os grandes bancos também são uma boa opção neste sentido, já que há setores específicos para investimentos, e profissionais qualificados para orientar os correntistas”, ressalta. 

Asscom | Grupo Tiradentes

Compartilhe: