V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Natal Solidário da Mentoria entregou presentes e cestas básicas

As crianças assistidas pelo projeto Sorrindo Para a Vida que escreveram cartas ao ‘Papai Noel’ tiveram os pedidos atendidos pelos mentores e as famílias ganharam cestas

às 21h38
Compartilhe:

Crianças com microcefalia atendidas pelo Projeto Sorrindo para a Vida escreveram cartas para o “Papai Noel” que foram adotadas por alunos e professores da Universidade Tiradentes. No último dia 17, o Natal Solidário da Mentoria aconteceu no campus Centro e além da entrega dos presentes que estavam descritos nas cartas, mentores de Odontologia, Farmácia e Psicologia também destinaram os mantimentos e produtos de higiene arrecadados às 15 famílias assistidas.

De acordo com a professora mentora Ingrid Ganda, a entrega desses presentes e cestas é o resultado da doação de professores, alunos, pessoas da comunidade acadêmica e sociedade que foram tocados pelas cartas. “As 15 cartas endereçadas ao ‘Papai Noel’ foram adotadas depois de serem compartilhadas pelos mentores entre os calouros. Associado a isso, arrecadamos mantimentos e produtos de higiene para montarmos uma cesta recheada de Natal às famílias dessas crianças. Essa iniciativa nos mostra como diariamente devemos ter muita gratidão por tudo, especialmente à nossa saúde. A palavra do dia que fica é gratidão a Deus em ter podido, por meio desta ação, ter feito a diferença na vida dessas famílias”, revela professora Ingrid.

Para o aluno e mentor do curso de Odontologia da Unit, Gabriel Guirra, o momento foi inesquecível. “Preciso dizer quão gratificante foi em participar do Natal Solidário da Mentoria! Fiquei muito feliz em ter podido ajudar um pouquinho. Foi muito gratificante ver as mães e famílias neste momento, me ensinou muito! Isso me faz refletir sobre o poder de fazer o bem. Gostaria que esse espírito natalino, de apoiar uns aos outros, de se preocupar com o próximo, perdurasse por todos os dias do ano, em todas as pessoas! Agradeço demais ao Projeto Mentoria em nos proporcionar momentos como esse”, disse o aluno mentor Gabriel Guirra.

Viviane da Cunha Nascimento sabe bem da importância do Projeto Sorrindo para a Vida. Já participa com seu filho há 4 anos. “O evento foi importante para rever as minhas amigas de batalha e luta! Foi uma manhã muito prazerosa! Já que nesses últimos dois anos, praticamente, por conta da pandemia, foi muito difícil atravessar os desafios, pois nos afastamos. Estava contando os dias para viver esse encontro! Foi muito gratificante”, conta a mãe Viviane Nascimento.

A professora do curso de Odontologia e coordenadora do projeto de extensão universitária Sorrindo Para a Vida, Aline Soares, não conteve a emoção. “Por conta da pandemia, precisamos parar com as atividades e hoje meu coração está transbordando gratidão. Criamos um laço muito forte com as crianças. E ter podido contribuir para que o Natal dessas famílias seja menos difícil, diante de toda luta do dia a dia, me deixa muito feliz! 

Da iniciativa, além dos alunos mentores de Odontologia, Farmácia e Psicologia, participaram as ligas acadêmicas de Odontopediatria de Sergipe e a Liga Odontológica de Pacientes Especiais. 

Projeto Sorrindo para a Vida

Sob a supervisão da professora e Odontopediatra Aline Soares Monte Santo, acadêmicos de Odontologia da Unit que possuam como requisito mínimo terem cursado a disciplina de Odontopediatria, participam como voluntários desde 2016 (após o surto de Zika Vírus no Brasil), do projeto de extensão universitária Sorrindo para a Vida. 

Além do tratamento odontológico, o ‘Sorrindo para vida’ oferece assistência interdisciplinar com profissionais e estudantes de Nutrição, Psicologia, Enfermagem e Direito, com o intuito de oferecer auxílio de saúde e orientar sobre os direitos garantidos das crianças e suas famílias. Por conta da pandemia, o projeto precisou ser interrompido em 2019. De 2016 até então, cerca de 50 crianças já foram atendidas.

 

Leia mais:

Sorrindo para a Vida, um projeto humanizado

Compartilhe: