V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Nova etapa de vacinação contra influenza conta com a participação de docentes da Unit

Em mais uma ação integrada com a Secretaria Municipal de Saúde de Aracaju, a iniciativa acontece amanhã, dia 17, no Parque Shopping, e na quinta-feira, dia 18, no Riomar Shopping.

às 15h08
Imagem: Freepik
Imagem: Freepik
Compartilhe:

A vacinação é considerada uma importante aliada na prevenção de diversas doenças. Com a prorrogação da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe em todo o país, a Secretaria Municipal de Saúde de Aracaju inicia mais uma etapa de imunização. A nova ação acontece amanhã, dia 17, no Parque Shopping, e na    quinta-feira, dia 18, no Riomar Shopping, e conta, mais uma vez, com a participação de professores do curso de Enfermagem da Universidade Tiradentes. 

Mais uma vez no sistema de drive-thru, o formato vacina as pessoas dentro do carro para manter o distanciamento necessário entre as pessoas e evitar a aglomeração da população contra a COVID-19. Para esta etapa, podem ser imunizadas crianças de dois a menor de seis anos, gestantes e puérperas.  

De acordo com o Ministério da Saúde, desde o início da ação nacional, em 23 de março, 50 milhões de pessoas foram vacinadas, faltando ainda 28,3 milhões que ainda não receberam a vacina. A imunização contra influenza não tem eficácia contra o coronavírus, no entanto auxilia os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para a COVID-19, já que os sintomas são parecidos. Além disso, ajuda a reduzir a procura por serviços de saúde.

“É muito relevante para a instituição de ensino compartilhar momentos como este em benefício de toda a sociedade. Nós estamos tratando de responsabilidade social e também da formação dos nossos acadêmicos. A parceria e o apoio são permanentes tanto com a Secretaria Municipal quanto com a Estadual de Saúde, pois estamos inserindo estudantes e professores para contribuir no que for possível”, declara a coordenadora do curso de Enfermagem da Unit, a professora Maria Pureza de Santa Rosa. 

“Não medimos esforços, especialmente em um momento como este de colaboração mútua, solidariedade e união”, acrescenta. 

Mesmo Aracaju tendo atingido, até o momento, 83% da meta geral, a Saúde de Aracaju alerta para o baixo índice de imunização de alguns grupos, como os que compõem essa terceira fase. Crianças, gestantes e puérperas estão com índices entre 45%, 40% e 38%.

“A Secretaria Municipal de Saúde chama a atenção para esses grupos prioritários, pois estamos observando que as coberturas vacinais estão muito baixas. Embora a nossa meta esteja em torno de 83%, não é uma cobertura homogênea, e isso faz com que tenhamos um olhar mais cuidadoso em relação a esses grupos”, alerta a coordenadora do Programa de Imunização da SMS, Ilziney Simões.

“Mais de 35 profissionais vão participar da ação, e a previsão é de imunizar cerca de quatro mil pessoas nos dois dias de vacinação. Pensamos nesta estratégia para proteger nossos usuários, possibilitando que eles sejam vacinados e voltem para casa sem muito contato e sem aglomeração”, complementa. 

A vacina também é ofertada nas Unidades Básicas de Saúde da capital, exceto as que estão com atendimento exclusivo para síndrome gripal. As pessoas que fazem parte dos demais grupos da campanha contra a influenza e ainda não foram imunizadas podem se dirigir às UBSs para receber a vacina.

Para receber a dose da vacina, além do documento de identificação e da carteira de vacinação, é importante levar documentação que comprove sua condição de prioridade.

Treinamento

Além de participar da Campanha de Vacinação, os docentes da Universidade Tiradentes do curso de Enfermagem também realizarão treinamento de atualização aos profissionais de saúde da rede municipal. Serão no total cinco encontros com as seguintes temáticas: Índice de Vulnerabilidade Clínico Funcional — IVCF-20, protocolo Spikes — habilidades na comunicação de más notícias —  e paramentação e desparamentação. 

A capacitação acontecerá no Centro de Educação Permanente em Saúde — CEPS — da Secretaria Municipal de Saúde. 

Com informações do Ministério da Saúde e Prefeitura Municipal de Aracaju.

Compartilhe: