V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Pandemia e atividade física: é hora de recomeçar 

Para a especialista e professora da Unit, Thaysa Nery, é importante ter a consciência que o exercício físico promove inúmeros benefícios à saúde mental e física.  

às 10h20
Compartilhe:

A pandemia do novo coronavírus mudou hábitos de toda a população. Com a prática de atividade física não foi diferente. Com o isolamento social, muitas pessoas deixaram o exercício físico de lado. Mas, como retomar um hábito tão importante?

“Nós temos que ter consciência que o exercício físico promove inúmeros benefícios à saúde mental e física. Quando temos a noção dessa importância já encaramos com uma prioridade”, declara a especialista e professora da Unit, Thaysa Nery.

“Da mesma forma que precisamos nos alimentar bem, dormir bem, necessitamos do exercício. Então, é importante colocar o exercício como prioridade na agenda e já planejar o seu dia com o horário da prática reservada”, acrescenta.

Segundo a especialista, é relevante procurar algo que gere motivação. “Criar uma rotina é essencial. É importante procurar algo que te motive, que te proporcione prazer, tire um sorriso do seu rosto e sinta a satisfação ao terminar”, comenta.

A recomendação da Organização Mundial de Saúde preconiza a prática semanal de 150 a 300 min de atividade física moderada ou de 75 a 150 min de atividade intensa, isso quando não houver contraindicação. “Isso vai depender do nível de condicionamento, de fatores individuais como algumas doenças, dentre outros”, salienta.

“Todo retorno é difícil e o exercício acaba sendo um pouco ingrato, já que em pouco tempo te faz perder tudo que conquistou, mas precisamos ser persistentes e resilientes. A criação de novos hábitos demanda esforço e paciência”, complementa a docente da Unit.

Para quem quer começar, Thaysa destaca algumas dicas. “Crie uma meta e mantenha o foco, assim que conseguir já estabelece outra meta. A identificação com a modalidade também é importante e modalidades precisam ser ajustadas para as individualidades”, frisa.

A docente da Unit afirma que o profissional de Educação Física é determinante nesse processo. “É ele que vai realizar um planejamento adequado, manter a motivação, orientar durante as práticas e realizar as progressões necessárias”, garante.

“É importante realizar exercícios com segurança. Procure sempre um profissional de educação física”, finaliza.

 

 

Leia também:

Como ter um envelhecimento ativo e saudável

Compartilhe: