V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Programa ERASMUS tem Financiamento da União Europeia

ERASMUS acontece em parceria com a ISMA University of Applied Sciences, possibilitando alunos de áreas da tecnologia e administração realizarem mobilidade na Letônia

às 14h07
Imagem: UNIVERO | ISMA University
Imagem: UNIVERO | ISMA University
Coordenadora de Relações Internacionais da Unit, Selen Ive Carneiro
Compartilhe:

O Programa ERASMUS Credit Mobility é liderado por uma Instituição de Ensino Superior (IES) da União Europeia (UE), a ISMA University of Applied Sciences, na Letônia, que visa estreitar seu relacionamento com IES da América Latina. A Universidade Tiradentes foi contemplada pelo programa e hoje possui estudantes em mobilidade em Riga, capital da Letônia.

De acordo com a coordenadora de Relações Internacionais da Unit, Selen Ive Carneiro, o ERASMUS International Credit Mobility é um programa de financiamento voltado para a mobilidade e o desenvolvimento da cooperação entre os países das duas regiões em questão.

“Com esse financiamento, conseguimos bolsas para que nossos alunos possam realizar a mobilidade acadêmica. Estamos neste programa desde 2020, por conta da pandemia, só conseguimos enviar dois alunos agora em 2022. Ambos selecionados por meio de edital, recebem bolsa de 5.500 euros (€) para seus custos durante os cinco meses de programa na Letônia. Como o custo de vida é baixo, eles conseguem pagar aluguel, hospedagem, transporte e alimentação tranquilamente. Estão bem felizes ainda que em processo de adaptação”, explica Selen Ive Carneiro.

A próxima etapa do Programa ERASMUS International Credit Mobility será selecionar três docentes da Unit para que participem como professores visitantes, além de dois membros do time do administrativo da Unit. “O objetivo será o de criar pontes para a construção de projetos nas áreas deles – tecnologia, ciências da computação e administração – que perdurem para além do período do Programa”, informa a coordenadora de Relações Internacionais da Unit, indicando que os professores devem ir à Letônia entre maio e junho de 2022. 

Sobre a pluralização do programa, ampliando para docentes e colaboradores, Selen é enfática: “A internacionalização não envolve somente o aluno, mas se o corpo docente e o administrativo tem a oportunidade de sair, falar outro idioma, conhecer outra região que está indo, como esta dos países bálticos, é sobre você entender, criar pontes para formação de projetos de longa duração”, acredita Selen Ive Carneiro que também é a coordenadora do Programa ERASMUS International Credit Mobility junto ao parceiro.

Para ela, o Programa é uma forma de a Unit se inserir e diversificar as fontes de inserção dentro da área de cooperação internacional. “Precisamos estar cada vez mais conectados para termos mais fontes de financiamento além dos programas de mobilidade existentes. Essa oportunidade faz com que surjam projetos que aproximem mais ainda a Unit a outras regiões da Europa”, reforça. 

 

ERASMUS

O Programa ERASMUS International Credit Mobility oferece aos discentes regularmente matriculados nos cursos de graduação presencial de Administração, Ciências da Computação e Redes de Computadores da Unit, a oportunidade de realizar uma mobilidade internacional para aquisição de novos conhecimentos, competências e habilidades pertinentes às suas respectivas áreas de formação; no exercício pleno do protagonismo estudantil global, com foco na inclusão social, inovação digital e participação da juventude na democracia.

 

Leia mais:

Unit lança Programa Erasmus International Credit Mobility

Compartilhe: