V E S T I B U L A R UNIT
MENU

“Sempre fui muito curioso quanto às descobertas da ciência”, diz Kaio Eduardo.

Licenciado em Geografia pela Unit, Kaio Eduardo Oliveira já tinha o objetivo de seguir a carreira acadêmica.

às 11h20
Compartilhe:

Desde que ingressou no curso de Geografia da Universidade Tiradentes — Unit, em 2009, Kaio Eduardo Oliveira já tinha o objetivo de aprender a fazer pesquisa, participar de algum programa de Iniciação Científica e, posteriormente, seguir a carreira acadêmica. 

“Sempre fui muito curioso quanto às descobertas da ciência. Via e lia muito sobre programas de divulgação científica e sobre ciências em geral”, comenta Kaio. 

“Ao entrar na graduação, buscava sempre os professores do meu curso e de outros cursos para ter uma oportunidade, já que naquela época elas eram mais raras. Assim, em 2010 fui convidado pelo professor Auro Rodrigues para desenvolver um projeto voluntário sobre impactos ambientais em áreas de manguezal de Aracaju. Passei a integrar o grupo de pesquisa e a participar de eventos científicos com mais frequência”, acrescenta. 

Para Kaio, a entrada para a Iniciação Científica foi muito relevante para a sua trajetória profissional. “Os projetos desenvolvidos me possibilitaram construir um repertório que, atualmente, é fundamental para qualquer área no ensino superior, a pesquisa. Desenvolvi dois projetos na graduação e um deles, voltado à globalização e ao uso social de tecnologias de informação e comunicação, serviu como base para minhas pesquisas no mestrado e doutorado”, destaca. 

O pesquisador fez mestrado e doutorado no Programa de Pós-graduação em Educação da Unit. Durante o doutorado, realizou um estágio na Universidade Aberta de Portugal.

“Essa trajetória foi fundamental para meu crescimento pessoal e profissional. Não só pelo processo formativo desenvolvido, mas pelas experiências que foram construídas ao longo desse percurso, a partir da rede de aprendizagem que pude construir em muitas universidades do Brasil e do exterior. Sem dúvida, a educação é sempre o melhor caminho”, salienta. 

No mestrado e no doutorado, Kaio esteve vinculado à linha de pesquisa em Educação e Comunicação. “Integro até hoje o Grupo de Pesquisas em Educação e Tecnologias da Informação e Cibercultura – Getic, coordenado pela professora Cristiane Porto, que foi minha orientadora no mestrado e no doutorado”, afirma. 

“O meu principal objetivo é ajudar outras pessoas a mudarem sua história de vida por meio da educação. Neste momento, uso muito do que aprendi sobre educação e comunicação para ajudar a formar professores (em cursos de licenciaturas) a desenvolverem práticas pedagógicas inovadoras para atravessar este período de ensino remoto e para a educação on-line”, finaliza. 

Veja também: “A ciência sempre me fascinou”, diz Leandro Sant’Anna.

Compartilhe: