V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Super vestibular de Medicina acontece no campus Farolândia

Cerca de 900 candidatos concorreram a vagas no curso de Medicina em Aracaju pelo super vestibular deste domingo, 5, e segunda-feira, 6.

às 17h03
Compartilhe:

Neste domingo, 5, e segunda-feira, 6, aspirantes a médicos participaram do super vestibular de Medicina do Grupo Tiradentes, no campus Farolândia da Universidade Tiradentes (Unit). Cerca de 900 confirmaram presença e concorrem a 80 vagas disponibilizadas via edital para o curso em Aracaju-SE. O resultado da seleção será divulgado na sexta-feira, 10, no site da Unit.

Segundo o coordenador do CCPA, Leonardo Matos, cerca de 25 alunos das terceiras séries concorrem ao super vestibular de medicina na Unit, além de alunos das outras séries do ensino médio. “É o maior curso do Estado, uma opção interessante para não ir para os estados vizinhos ou até para mais distante. É uma opção também de se perceber diante da concorrência nesse momento do ano. Então eles gostam, eles se testam, é uma prova que eles conhecem. O nosso time de professores conhece muito a prova, então trabalha bem com eles e eles se sentem seguros com o trabalho que os professores fazem. Então, é sempre uma boa opção”, diz.

“Muitos no ano passado fizeram quando eram segunda série, mas é a primeira prova de vestibular enquanto aluno de terceira série efetivamente. Então, o frio na barriga é maior porque eles são menos experientes, estão galgando ainda os passinhos no processo da medicina, que é de fato muito concorrido. A preparação envolve muito esforço, dedicação e horas de estudo; simulados e provas para medir o progresso e arrasar na prova”, conta o coordenador.

O candidato Rafael Reis e Silva, de 17 anos, chegou ao local de prova acompanhado pela mãe, Márcia Andréa Souza Reis e Silva. “Eu fiz graduação aqui, meu outro filho também já se formou aqui, e a Unit é nossa. É importante que a gente valorize a nossa terra. Ele passando, é fundamental o aconchego da família. Então, junta tudo, ser a nossa casa, ser a nossa terra e a proximidade para o coração ficar menos apertado. Por ele estar aqui, ele está em casa”, argumenta.

Pela segunda vez fazendo o super vestibular de Medicina, a candidata Clara Souza está confiante. “Fazer medicina é a realização de um sonho. Fazer na Unit vai ser melhor ainda porque não vou precisar ficar longe de quem tanto me apoiou até aqui. Espero que dê tudo certo, tô confiante dessa vez”, ressalta.

Egressa da Unit, Ana Carolina Sá é mãe da candidata Vitória de Sá e priorizou a universidade pela qualidade e a certeza de que é um curso com suporte para o aluno, além de estar perto da família. “Esse ano ela está super preparada. Eu sou ‘filha’ da Unit e escolhemos a instituição pelo padrão de ter ano para começar e para terminar, de ser na nossa cidade e ser o curso que a minha filha  sonhou. Desde o quinto ano da escola que ela almeja fazer medicina. Ah, e outra coisa, a Unit é família né? Então, tem que ser Unit”, afirma.

Com dezoito anos, Aline Giovana Peixoto está tentando o super vestibular pela terceira vez e se sente preparada. “Eu estou tranquila para a prova. Tem que vir tranquila, né? Porque o nervoso só atrapalha. Eu gosto de ajudar as pessoas, gosto de lidar com gente. É uma coisa que me faz muito feliz, sentir que estou fazendo algo por uma pessoa. E  fazer  medicina na Unit vai te proporcionar isso”, diz.

Para a mãe da candidata, Aline Peixoto, escolher a Unit é a melhor opção por estar próxima. “Na Unit tem estrutura e está perto de mim. Tem tudo o que ela quer. Isso também ajuda no desempenho. O apoio familiar é importante, em qualquer curso, mas principalmente em medicina porque não adianta formar um médico robô, a humanização é importante demais”, acredita.

 

Leia também: Médicos recém-formados pela Unit são aprovados em residências médicas

Intercâmbio oportuniza conhecer novos sistemas de saúde

Compartilhe: