V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Universidade Tiradentes pleiteia centenas de vagas para o FIES 2018.2

Cursos como Medicina e Odontologia constam na lista encaminhada ao FNDE para autorização do FIES neste segundo semestre de 2018

às 18h46
Pró-Reitor Administrativo e Financeiro da Unit, professor Josenito Oliveira, explica as novas regras do Fies 2018.2
Pró-Reitor Administrativo e Financeiro da Unit, professor Josenito Oliveira, explica as novas regras do Fies 2018.2
Compartilhe:

Por Raquel Passos

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é ação do Ministério da Educação (MEC) que financia cursos superiores não gratuitos e com avaliação positiva no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). De acordo com o conceito de qualidade que recebem do MEC, a maioria dos cursos da Universidade Tiradentes – Unit – está apta a pleitear vagas no Fies 2018.2.

As áreas prioritárias para determinação das vagas no processo seletivo 2018.2 serão consideradas de acordo com as regras estabelecidas na Portaria nº 25 de 25 de Dezembro de 2017. “Da proposta que encaminhamos com quantidade de vagas por curso, geralmente o MEC aprova cerca de 60% do total solicitado, de acordo com as áreas prioritárias. Semestre passado, não fomos informados nem de vagas e nem de cursos liberados para o Fies. Só tivemos acesso a essas informações ao tempo em que o alunado ia tentando inscrição. Em 2018.1 foi a primeira vez que aconteceu isso e temos que nos preparar para um cenário semelhante”, explica a coordenadora de Benefícios Educacionais e Contas a Receber da Unit, Ariane Barroso.

De acordo com o Pró-Reitor Administrativo e Financeiro da Unit, professor Josenito Oliveira, o Fies é uma alternativa de facilidade para uma graduação de qualidade. “Quem tem o sonho de cursar em uma universidade com conceito 5 no MEC, como a Unit, tem a oportunidade de financia-lo de forma que não interrompa seus estudos por motivos financeiros. É uma oportunidade de seguir o sonho da graduação em busca de uma vida cada vez melhor”, avalia.

FIES

A Unit solicitou o máximo de vagas de FIES permitidas pelo FNDE para a maioria de seus cursos. “Entendemos que se pudermos facilitar o financiamento ao nosso alunado, sempre o faremos pela importância do acesso à educação de qualidade para o desenvolvimento social”, completa Ariane.

Neste período, foram anunciadas algumas mudanças com as regras do programa. Confira a seguir:

Fixação de financiamento mínimo de 50%

A primeira mudança é o estabelecimento de financiamento mínimo de 50% para as vagas oferecidas no Fies com juros zero. O modelo antigo de financiamento abaixo dos 50% impedia que muitos participantes beneficiados continuassem seus cursos por conta do baixo valor financiado. Por esse motivo, o MEC fixou uma porcentagem mínima a ser atendida pelo Fies que já era praticada anteriormente ao ano de 2018.

Aumento no valor máximo de financiamento

Outra alteração nesta edição é o aumento no teto dos cursos financiados na modalidade Fies sem Juros (Fies Público). Anteriormente, o MEC havia fixado em R$ 30 mil semestrais o valor máximo para financiamento, o que impossibilitava que cursos mais caros fossem atendidos. Agora, a pasta aumentou o teto do fundo de financiamento para R$ 42 mil, possibilitando a inclusão de cursos com mensalidades superiores ao teto estabelecido no semestre anterior.

Transferência de vagas /cursos

O Fies 1 teve 100 mil vagas abertas para 2018, sendo 80 mil só no primeiro semestre. De acordo com o MEC, 30 mil oportunidades foram preenchidas e cerca de 16 mil estão em fase de assinatura de contrato.

As vagas que não forem preenchidas neste primeiro semestre de 2018 serão ofertadas na próxima edição do Fies, ou seja, há uma migração de vagas para o próximo período.

Ampliação de vagas para o P-FIES

Para o Processo Seletivo 2018.2 o MEC autorizou a ampliação da ofertada na modalidade P-FIES, em que as vagas remanescentes e/ou ociosas do período anterior (2018.1) poderão ser acrescidas do total da Proposta de vagas para cada curso.

Novas parcerias com outros bancos

Além dos agentes financeiros já credenciados no Processo Seletivo 2018.1, houve novas parcerias como: Bradesco, Banco do Nordeste, Pravaler (operado pelos bancos Itaú, Unibanco, BV Financeira e Andbank).

“Ampliamos o quantitativo de cursos para o FIES 2018.2 com o BNB e a maioria dos cursos da Graduação Presencial podem ser contratados por ele, desde que tenham vagas autorizadas pelo MEC”, considera Ariane.

Inscrições

De acordo com o Ministério da Educação, a edição do segundo semestre Fies vai abrir inscrições no dia 16 de julho e terminará uma semana depois, no dia 22. No total, cerca de 150 mil novas vagas devem ser oferecidas, já que a expectativa é que 310 mil novos contratos sejam fechados em 2018.

Compartilhe: