V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Unit sedia congresso internacional

Durante três dias consecutivos, especialistas de 17 países discutem, na Unit, investigação qualitativa em áreas específicas do conhecimento científico

às 23h08
A doutora Maria Cecília Minayo da Fundação Oswaldo Cruz destaca a Trajetória da pesquisa qualitativa
A doutora Maria Cecília Minayo da Fundação Oswaldo Cruz destaca a Trajetória da pesquisa qualitativa
A doutora Maria Cecília Minayo da Fundação Oswaldo Cruz destaca a Trajetória da pesquisa qualitativa
O coordenador do 6º Simpósio Internacional, doutor Ronaldo Linhares
Doutora Ester Vilas-Bôas abre oficialmente o Congresso
O público, formado por representantes de diversos países prestigia o evento
Compartilhe:

Educação, Saúde, Ciências Sociais e Engenharia e Tecnologia são as quatro áreas que se destacam durante a realização entre os dias 5 e 7 do 4º Congresso Ibero-americano em Investigação Qualitativa e 6ª Simpósio Internacional de Educação e Comunicação. Com as presenças de especialistas no assunto, os eventos foram abertos oficialmente na tarde desta quarta-feira, 5, no auditório A do bloco F, no Campus Farolândia.

A conferencista de abertura, doutora Maria Cecília de Souza Minayo da Fundação Oswaldo Cruz destacou a Trajetória da pesquisa qualitativa, seus percalços e a situação atual de seu reconhecimento científico.

“Resgato a história da consolidação da pesquisa qualitativa no mundo e no Brasil. Tento mostrar que é uma história que não tem evolução simples e sim, com alternâncias entre crescimento e retrocesso. Vivemos agora a globalização da pesquisa qualitativa o que significa a consolidação de um tipo de conhecimento científico que sempre foi colocado de forma meia contra hegemônica às ciências sociais”, destaca a palestrante salientando que a pesquisa qualitativa está muito aderida às necessidades da sociedade, é crítica, reflexiva e deve se voltar para os interesses da própria sociedade.

O coordenador do 6º Simpósio Internacional de Educação e Comunicação e membro da coordenação congresso, doutor Ronaldo Nunes Linhares, pondera sobre a importância do Congresso e do Simpósio ao apontar uma programação que contempla conferências apresentadas por renomados cientistas e pesquisadores, bem como apresentações por parte de estudiosos da América Latina e Portugal, de 250 artigos científicos. “Dentro da política de internacionalização, esse é um evento importante. Estamos recebendo aqui personalidades de diversos países da América Latina, oportunidade em que mostramos o que a universidade está produzindo. Em termos de pesquisa, estamos reunindo três grandes nomes na área de pesquisa qualitativa, duas delas, as primeiras pesquisadoras nessa área que são as professoras Cecília Minayo e Menga Ludke”, lembra o doutor Ronaldo.

“A dinâmica do grupo, a geografia da cidade e a receptividade da Unit para se tornar parceira do evento me levou a optar por realizar aqui a 6ª versão do congresso”, justifica o coordenador-geral, o português Antônio Pedro Costa Pedro. Segundo ele, o ponto alto da programação se dá com a união de todos os participantes para o desenvolvimento dos trabalhos propostos.

“Enquanto pesquisadores temos o compromisso e a oportunidade de abraçar esse momento tão importante de pesquisa e investigação e mais, de divulgar as nossas pesquisas”, diz a coordenadora do programa de Pós-Graduação em Educação da Unit, professora doutora Simone Amorim.

“Dentro do projeto de internacionalização para os programas de pós-graduação Stricto Sensu o evento tem importância ímpar porque consolida a oportunidade de reunir pesquisadores de diversos países para discutir e debater questões importantes sobre a investigação qualitativa que representa uma das áreas que desenvolvemos, neste caso, na educação”, afirma a Diretora de Pesquisa e Extensão da Unit, professora doutora Ester Fraga Vilas-Bôas Carvalho do Nascimento.

Acompanhe o primeiro dia do evento visualizando as fotos do Marcelo Freitas

Compartilhe: