V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Diferenças entre Engenharia de Software e Sistemas de Informação

Embora os dois cursos estejam ligados à área de tecnologia, ambos possuem especificações que os diferenciam entre si

às 12h29
Foto: Freepik
Foto: Freepik
Compartilhe:

Com a elevada demanda de profissionais formados em cursos de tecnologia no Brasil e no mundo, a área de Tecnologia da Informação é uma das poucas que não para de contratar. Além do seu viés mercadológico, é um ramo em que a sociedade não pode mais viver sem. Consequentemente, há alta demanda na busca por cursos relacionados. 

Dentre os cursos relacionados mais procurados da área se destacam a Engenharia de Software e Sistema da informação. O coordenador dos cursos de Tecnologia da Informação, da Universidade Tiradentes (Unit), Ricardo Azevedo, explica a diferença entre esses dois cursos e suas particularidades.

“O profissional de Engenharia de Software está focado nos processos de criação de software que permitam o desenvolvimento, a manutenção, adaptação e a avaliação da qualidade destes sistemas computacionais.  Já a formação de Sistemas de Informação tem um foco desenvolver profissionais com capacidade de planejar e desenvolver soluções computacionais, assim como atuar diretamente na gerência da infraestrutura de tecnologias da informação das empresas”, pontua.

Embora sejam áreas semelhantes por estarem ligadas à tecnologia, a graduação e o campo de atuação de cada uma são diferentes, confira: 

Engenharia de Software

O profissional desta área trabalha em uma das bases de desenvolvimento do país e pode se inserir em diversos espaços. Com o aumento do número de usuários de dispositivos móveis, os Engenheiros de Software são requisitados para desenvolverem aplicações e jogos voltados para essas plataformas. 

Hoje, já é possível ver um movimento de migração no qual as grandes empresas também estão indo para esses espaços. Além desse ambiente, o desenvolvimento de softwares, bem como a gestão destes, para empresas e indústrias, também é um campo de trabalho importante para o Engenheiro de Software. “O profissional também pode atuar com: desenvolvimento de software computacionais; avaliação e manutenção de software; melhoria do processo de desenvolvimento de software e teste de Software”, destaca Ricardo.

Graduação

A graduação em Engenharia de Software da Unit é oferecida na modalidade de Educação a Distância (EAD) no formato híbrido. Isso significa que a formação aproveita o melhor de duas modalidades de ensino: a distância e presencial. 

Ao longo do curso são abordadas as áreas de engenharia e programação, evoluindo para dinâmicas mais práticas sobre as etapas de produção de softwares. Algumas das disciplinas que o aluno Unit tem ao longo dessa formação são:

  • Fundamentos de Programação;
  • Desenvolvimento para Dispositivos Móveis;
  • Engenharia de Software como Serviço;
  • Engenharia de Software Experimental;
  • DEVOPS/SRE;
  • Data Science;
  • Cloud Computing;
  • Testes de Software.

Sistema da informação

Garante ênfase no projeto e construção de sistemas, além de gestão de processos e pessoas, com abordagem de administração de fluxos de informação, bancos de dados e redes de computadores. “O profissional em Sistema da Informação atua no desenvolvimento de sistemas; gerência de infraestrutura computacional de empresas; gerência de projetos de tecnologia da informação e gestão de empresas de tecnologia”, ressalta o coordenador.

O profissional dessa área também atua diretamente na gerência de tecnologias da informação em empresas, trabalhando em soluções e melhorias que tornam o desempenho da organização mais prático. Ele possui habilidades relacionadas ao desenvolvimento de sistemas e autonomia em recursos computacionais, o que amplia ainda mais o mercado de atuação para o graduado.

Graduação

O curso é disponibilizado na modalidade presencial, onde o discente terá um aprendizado mais voltado para a solução de problemas de negócios e as necessidades tecnológicas relacionadas, principalmente no ambiente corporativo. Logo, é um curso mais voltado a lidar com planejamento, administração, negócios, relações humanas e desenvolvimento de sistemas de informação e automação de processos. A duração média do curso é de 4 anos, abordando, além de disciplinas técnicas, matérias como administração e gerência de projetos.

Leia também: 5 motivos para escolher a graduação em Educação Física

Compartilhe: