V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Maioria dos alunos do ensino a distância pagam a própria mensalidade

A combinação de preço acessível com flexibilidade contribui para que os alunos que precisam estudar e trabalhar ao mesmo tempo possam concluir o ensino superior

às 15h53
Foto: Freepik
Foto: Freepik
Compartilhe:

Em uma pesquisa realizada pela Educa Insights, 87% das pessoas matriculadas em cursos na modalidade de Educação a Distância (EAD) trabalham, e 83% são responsáveis por pagar a mensalidade do curso. A grande maioria tem entre 31 e 40 anos e a segunda faixa etária com maior quantidade de alunos é a que vai dos 16 aos 25 anos.

Esse indicativo mostra que a grande maioria das pessoas que estudam a distância e também trabalham estão buscando essa modalidade por ser a única que permite ajustar o curso aos horários de trabalho com mais flexibilidade, tranquilidade e eficácia, características mais apreciadas pelos estudantes.

Claro, o aluno ainda precisa cumprir os prazos e atender às demandas dos professores. Estudar a distância também requer dedicação e comprometimento. A diferença é que tudo pode ser feito no turno que for mais conveniente e empregando a quantidade de tempo necessária para cada atividade. Como é o caso do estudante Matheus Dantas, que está no 7º período do curso de Administração EAD da Universidade Tiradentes (Unit) e encontrou no modelo de ensino uma oportunidade de concluir o ensino superior e trabalhar ao mesmo tempo.

“Me garante mais tempo livre e facilidade no acesso aos conteúdos, além disso, escolhi este curso porque já tinha experiência na área e queria aprimorar meu currículo. Acredito que as duas modalidades têm suas vantagens e desvantagens, isso deve variar de pessoa para pessoa. No meu caso o semipresencial foi melhor do que presencial”, afirma Matheus.

A pesquisa revela que a quase totalidade (90%) dos que estão matriculados em cursos a distância fazem suas atividades no conforto do próprio lar. Desses, muitos dedicam de 3 a 5 dias por semana aos conteúdos, a maioria no turno da noite. “Normalmente eu costumo estudar a noite que é quando tenho tempo livre, mas às vezes quando eu chego muito cansado deixo para estudar aos fins de semana, já que as aulas são gravadas e estão disponíveis a qualquer momento”, conta o estudante. 

A professora tutora do polo EAD da Unit em Alagoinhas/BA, Jadieli Sansão Elias, conta que a maioria dos alunos do EAD que estuda, trabalha e paga a própria mensalidade costuma ter um perfil responsável. “É um aluno que entende a importância dos estudos e dá valor ao aprendizado, uma vez que, está tirando do próprio bolso e administrando o tempo para conseguir dar conta da vida acadêmica e profissional. Portanto, um aluno que consegue fazer isso torna-se alguém com mais responsabilidade e consciência”, diz a professora. 

Leia também: Experiências do aluno EAD que tornam o currículo versátil

Compartilhe: