V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Exposição sobre mouros e folguedos brasileiros chega a Unit

Exposição que traz ao Brasil a relação dos mouros e cristãos nas danças festivas faz parte da programação da Semex

às 21h42
Compartilhe:

A exposição itinerante “Dançando mouro: dança festiva de mouros e cristãos no Mediterrâneo ocidental” chega a Universidade Tiradentes e faz parte da programação 10º Semex. O  tema da guerra entre cristãos e mouros está presente em diversos folguedos brasileiros: Chegança, Fandangos e Marujada, entre outras, que com esse enredo foi se misturando as influência de portugueses, africanos e indígenas. A visita a exposição pode ser feita até o dia 22, no piso da Biblioteca Central Jacinto Uchôa de Mendonça, no Campus Aracaju Farolândia.

Segundo a professora Kátia Maria Araújo Souza, professora do curso de Serviço Social e coordenadora do Núcleo de Apoio Psicossocial – Napps da Unit, a ideia da exposição surgiu após orientar uma pesquisa sobre a Chegança de “Zé da Biné”, de Itabaiana. “Fui à Espanha por conta da orientação e daí houve um interesse da Universidade de Tarragona com o Museu Etnológico de Barcelona em trazer essa exposição para o Brasil”, explica. A exposição que já esteve em Laranjeiras, vai percorrer outras cidades e estados durante todo o ano.

Um ponto importante da exposição é mostrar a influência dos mouros na nossa cultura. “Ajuda a desmistificar algumas coisas sobre os mouros. Quem são os mouros? Na região da Catalunha todos os estrangeiros eram chamados de mouros. E nós temos muito mais palavras catalãs em nosso cotidiano do que a gente imagina”, afirma Kátia.

Compartilhe: