V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Adasfa promove feira de adoção com apoio da Unit

A coordenação do Programa Conduta Consciente da Universidade Tiradentes promove na tarde desta quinta-feira, 13, mais uma edição da feirinha da Adasfa.

às 21h45
Animais à espera de quem o adote
Animais à espera de quem o adote
O olhar pedinte do gatinho por alguém que o adote
Acadêmica Sara e sua nova companhia, o gatinho branco ainda sem nome
Compartilhe:

Fotos – Sebastian Brito

A iniciativa, realizada pela universidade em parceria com a entidade protetora de animais Adasfa, tem por objetivos promover a adoção e despertar na sociedade o interesse por resgatar das ruas ou mesmos dos abrigos os animais que por diversos motivos são abandonados.

“Buscamos dentro do Programa de Meio Ambiente abranger diversas questões e uma delas é a questão do respeito ao mundo animal”, explica a professora Luciana Rodrigues, responsável pelo programa. Ela salienta que o apoio dado à Adasfa é em razão do trabalho comprometido e responsável desenvolvido pela entidade que vive de doações e que abriga centenas de animais.

Ela ressalta a necessidade de o ser humano coexistir vivendo em harmonia com os animais irracionais e que, por esse motivo é necessário que esse mesmo ser humano possa cada vez mais abrigar os animais que são encontrados nas ruas em número cada vez mais frequente podendo ocasionar, inclusive, problema de saúde pública.

Estimulada pelo desejo de companhia uma vez que vai passar a residir só aqui em Aracaju, a acadêmica Sara Monteiro da Silva adotou um gatinho.

“Fico mais aliviada porque, mesmo se tratando de um animal, não deixa de ser uma companhia para ela”, comenta Kézia Suzana, mãe de Sara.

Presidente e uma das fundadoras da Associação Defensora dos Animais São Francisco de Assis, Maria Antônia Teles confessa que é impossível contabilizar o número de animais abrigados (e doados), desde que a instituição foi criada em 2004.

“A Adasfa se mantém graças ao apoio do voluntariado e do apoio de instituições como a Unit que é também sensível à causa”, pondera Maria Antônia.

Além das feiras pontuais, a Adasfa está sempre aberta para receber a colaboração necessária à manutenção dos animais e também para doá-los. Os interessados encontram o trabalho desenvolvido pela entidade facilmente nas mídias sociais.

Compartilhe: