V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Alunos de Fisioterapia vivenciam a equoterapia do Batalhão da Restauração

Equoterapia é uma das áreas da Fisioterapia que tem crescido e alunos da Unit conheceram de perto a realizada pelo Batalhão da Restauração.

às 21h34
Alunos da Unit conhecem equoterapia do Batalhão da Restauração
Professora preceptora, Jane Aquino, também vivenciou a prática
Compartilhe:

Alunos do 10º período do curso de Fisioterapia da Universidade Tiradentes (Unit) visitaram a equoterapia do Centro de Reabilitação do Batalhão da Restauração, voltada para adolescentes e adultos com demanda neurológica de Sergipe. A visita técnica aconteceu nos últimos dias 02 e 05. 

Com o objetivo de entender um pouco mais sobre o funcionamento da instituição, não somente estudantes, como também docentes da Unit participaram da vivência. De acordo com a professora preceptora do estágio de Saúde da Criança do curso de Fisioterapia da Unit, Jane Aquino, os estudantes participaram do processo de avaliação e de tratamento, além de também terem experienciado a vivência como se fossem pacientes.

“Inclusive eu experimentei! A intenção dessa visita técnica foi para que eles conhecessem a equoterapia de perto, campo de atuação que é inovador, pois está em constante crescimento na Fisioterapia”, completa a professora Jane.

Equoterapia é mais uma oportunidade em que o fisioterapeuta pode atuar no mercado de trabalho. “Foi uma vivência diferente, já que em sala de aula, citamos na disciplina Saúde da Criança a equoterapia como uma das opções de tratamento”, comenta.

Batalhão da Restauração

O Batalhão da Restauração realiza um trabalho gratuito direcionado para o acolhimento de dependentes químicos. São pessoas que entram no mundo das drogas, desejam sair e não sabem onde buscar ajuda. A sustentação da libertação é baseada na fé em Deus e no trabalho de uma equipe técnica multidisciplinar. No Batalhão todas as necessidades dos residentes são atendidas, onde eles contam com as melhores técnicas que cada caso requer. O tratamento tem duração de seis meses a um ano, que varia com o Plano de tratamento de cada residente.

“No momento de reinserção da pessoa que está no Batalhão da Restauração por dependência química na sociedade, eles guiam os cavalos, junto com os equoterapeutas, na equoterapia para depois terem alta. Os projetos se interligam nesta instituição”, finaliza a professora preceptora do curso de Fisioterapia da Unit, Jane Aquino.

 

Com informações do Batalhão da Restauração

 

Leia mais:

Conheça os diferenciais do curso de Fisioterapia da Unit

Compartilhe: