V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Centro de Apoio Psicossocial promove Supervisão da Saudade

Alunos concludentes do curso de Psicologia participam de tarde de confraternização no Ceap e revelam a importância das ações práticas vivenciadas durante o estágio

às 21h36
Alunos reconhecem a prática como o momento mais importante
Coordenadora do Ceap, Jaqueline Caldeira
Supervisão mobiliza concludentes de Psicologia
Compartilhe:
Supervisão mobiliza concludentes de Psicologia

Supervisão mobiliza concludentes de Psicologia

Pela segunda vez consecutiva, o Centro de Apoio Psicossocial da Unit – Ceap mobiliza professores e alunos para a Supervisão da Saudade. “Trata-se de um evento que já ficou conhecido entre os acadêmicos da área e que tem como objetivo personificar uma homenagem aos alunos que estão concluindo o estágio específico dois” lembra a coordenadora da Clínica de Psicologia, professora Jaqueline Caldeira. “Da mesma forma, os alunos aproveitam a iniciativa do Ceap para retribuir o esforço e a dedicação empreendida pelo corpo administrativo e docente da clínica”, acrescenta.

Alunos reconhecem a prática como o momento mais importante

Alunos reconhecem a prática como o momento mais importante

A Supervisão da Saudade representa para os alunos o momento em que, junto aos supervisores, é feita uma avaliação das suas respectivas abordagens e de como elas interferem no relacionamento desses alunos com seus pacientes através da vivência de sentimentos como angústia, despedidas, etc. “Ao manifestar suas opiniões os alunos oferecem subsídios para que a clínica aprimore suas atividades, uma vez que é a partir da experiência adquirida por eles no atendimento aos pacientes que a coordenação do Ceap planeja ações cada vez mais participativas” reconhece o professor e convidado a paraninfo da turma, Ramon José Ayres Souza. Lisonjeado pelo convite o docente afirma que é através de atitudes como essa da turma que pode ser atestado o compromisso do professor com o exercício da profissão.

Coordenadora do Ceap, Jaqueline Caldeira

Coordenadora do Ceap, Jaqueline Caldeira

Na condição de concludente Adênija Souza Neves salienta que as atividades práticas representam o momento mais importante na trajetória do aluno dentro da instituição. “É através do estágio supervisionado que temos a oportunidade de aliar a teoria com a prática, reconhecendo que, no início, somos imbuídos pela ansiedade de uma nova experiência. Somente quando nos deparamos com o contato com o paciente é que constatamos que se trata de uma experiência única”, lembra a aluna.

Waldson Fagner Monteiro Santos não vê a Supervisão da Saudade apenas como uma festa e sim, como um momento específico na vida do acadêmico em que lhe é conferido a chance de avaliar os procedimentos, as experiências e também de encontrar alternativas para novas ações. “A parte prática do curso vivenciada aqui no Ceap foi que me deu a convicção de que escolhi a profissão acertada”, conclui.

Fotos – Marcelo Freitas

Compartilhe: