V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Derramamento de óleo na costa brasileira motiva discussão entre grupo de pesquisa da Unit

O derramamento de óleo detectado na costa da região Nordeste e também do Sudeste do país tem sido motivo de amplas discussões entre especialistas no assunto

às 18h51
A mesa com os especialistas
A mesa com os especialistas
O acadêmico Valter Negreiro Silva
A professora Emannuely Santos
Público estudantil discute o probelma
Compartilhe:

A preocupação da sociedade brasileira em meio ao derramamento de óleo no litoral brasileiro fomentou em autoridades, pesquisadores e estudantes da Universidade Tiradentes – Unit – o interesse em reunir os principais órgãos da Sala de Crise para um debate aberto. O evento aconteceu no último dia 30, no auditório do bloco D.

A iniciativa foi do Grupo de Pesquisa Professora Jane Nascimento, vinculado ao curso de Direito da Unit. Na oportunidade, autoridades envolvidas em todas as análises e descobertas já feitas em torno do problema, puderam esclarecer quanto às ações que vêm sendo realizadas e combater fake news.

“Nos preocupamos em trazer a equipe que está diretamente vinculada a esse enfrentamento para uma discussão que é de interesse da sociedade”, revela uma pesquisadora membro do grupo, professora dos cursos de Direito e Enfermagem da Unit, Emannuely Santos.

A docente explica que apesar de o debate também teve grande importância para o público acadêmico.

“Conseguimos reunir pessoas extremamente capacitadas, que tomam decisões e que por isso mesmo são as mais indicadas par nos colocar a par da realidade dos fatos e das providências que devem ser tomadas para a solução desse problema”, complementa a professora Emannuely, que possui MBA em Gestão e Políticas Públicas e mestrado em Desenvolvimento do Meio Ambiente.

Graduando em Direito e membro do grupo de pesquisa da Unit, Valter Negreiro Silva considera o evento mais que importante. “É imprescindível em razão dos problemas que toda a sociedade vem enfrentando, especialmente aqueles que direta ou indiretamente sobrevivem da pesca ou residem na região costeira”, avalia.

“A ideia é qualificar formadores de opinião para contribuir com a resolução do problema”, lembra o coordenador do grupo, professor Agripino Santos que anuncia: “Nosso próximo evento será um Congresso Nacional”.

Com acréscimo de informações em 03/12/2019, às 12h55

Compartilhe: