V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Estudantes do curso de Farmácia da Unit são aprovados em cursos de verão da USP

Thallysson Carvalho, Polyana Rezende e Lucas Rannier concorreram com acadêmicos de todo o Brasil

às 14h10
Thallysson Carvalho, Polyana Rezende e Lucas Rannier são acadêmicos do curso de Farmácia da Universidade Tiradentes. Incentivados pela docente, a Dra. Patrícia Severino vinculada ao Programa de Pós-graduação em Biotecnologia Industrial, os estudantes participaram da seleção para os cursos de verão da Universidade de São Paulo – USP. O resultado não poderia ser outro: foram selecionados entre os participantes de todo o Brasil.
Compartilhe:

Para participar da seleção, os alunos enviaram uma carta demonstrando o interesse em realizar o curso, currículo e carta de recomendação de docentes da Unit. “Fizemos o processo e enviamos. Tivemos a grata satisfação de ter os três estudantes selecionados. Em uma disputa acirrada com alunos de todo país, a gente fica muito feliz porque temos a consciência que estamos formando acadêmicos competitivos para o mercado de trabalho. Eles já fazem iniciação científica, alguns com depósitos de patentes, artigos encaminhados e aprovados para publicação e podem ganhar o mundo”, destaca a professora Dra. Patrícia Severino.

Dentro da Unit, Thallysson, Polyana e Lucas já possuem uma carreira promissora. Iniciaram como voluntários e, hoje, possuem bolsas de Iniciação Científica para o desenvolvimento de projetos. “Quando entrei no curso sempre fui um aluno muito curioso e queria saber de todas as áreas. Assim que soube que existia a pesquisa quis participar também. Em sala, a professora Patrícia estimulou bastante e tive a oportunidade de ser seu aluno no laboratório. Quero seguir com esta linha de pesquisa, mestrado e doutorado”, explica Thallysson. O estudante foi um dos 20 selecionados e passará 20 dias na USP em São Paulo para realização do curso “Discutindo e aprendendo Fisiologia”.

“Tenho a expectativa de agregar muitos conhecimentos. Como desenvolvo medicamentos para câncer e também pretendo desenvolver possíveis outros medicamentos, a Fisiologia é uma junção disso. Através do conhecimento da fisiologia atrelado ao que desenvolvemos aqui, podemos entender melhor do mecanismo de ação e o que acontece no organismo. Além disso, melhorar no desenvolvimento desses medicamentos”, observa o acadêmico.

Já Polyana e Lucas foram selecionados para o curso de Física da USP. Ao todo foram 50 vagas para todo o Brasil. “A iniciação científica para mim representa um caminho de conhecimento tanto profissional quanto pessoal. A vivência em grupo me trouxe muita experiência que vou levar para o mercado de trabalho. Hoje em dia, me sinto apta em conhecimento para diversas áreas tanto da graduação quanto para iniciar um mestrado e doutorado. Neste curso tenho uma grande expectativa e pretendo aprender bastante passar para meus colegas de laboratório”, ressalta Polyana.

“Só de estar em uma universidade renomada, estou com grande expectativa. Uma universidade que abrange muitas áreas é importante para o desenvolvimento tecnológico do nosso país. Vou com o intuito de obter mais conhecimento de professores que lecionam lá e criar amizades com profissionais de todas as áreas para futuras parcerias em pesquisas”, enfatiza Lucas.

“Para o curso de farmácia é fundamental esse link com a pós-graduação e ter professores que são dos dois núcleos isso é fundamental. Eles incentivam demais os alunos para participar dessa área de atuação. Eles estão na graduação, mas já tem artigos publicados e patentes. Então, isso tudo é um estímulo e enriquece bastante o currículo. A gente quer que eles tenham esta visão e experimentem dessa oportunidade e sigam seus caminhos”, finaliza a coordenadora do curso de Farmácia, professora Juliana Dantas.

Compartilhe: