V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Fecomércio homenageia professor Uchôa

Reitor da Unit recebe Comenda José Ramos de Moraes

às 06h15
Compartilhe:

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Sergipe – Fecomércio-SE – homenageou o professor Jouberto Uchôa de Mendonça, reitor da Universidade Tiradentes, com a Comenda José Ramos de Moraes. A solenidade de outorga aconteceu na noite desta quinta-feira, 1º de dezembro, no salão principal do Hotel Radisson, em Aracaju.

“Sinto que esta é uma homenagem à Universidade Tiradentes, pelos serviços que ela tem prestado à sociedade, e eu recebo como um prêmio para mim, para minha família, para os meus colegas que fazem a Unit, na esperança de continuar contribuindo para o desenvolvimento do estado”, agradece o professor Uchôa.

“O professor Uchôa é um homem talhado para o trabalho, mas que tem uma visão extraordinária e rara nos homens, ele olha para o semelhante e se enxerga nele. Me sinto extremamente honrado de poder homenagear um homem com as qualidades do professor Uchôa, que são infindáveis. Sergipe deve muito a ele e por mais que a gente o homenageie ainda é pouco pela grandeza do seu trabalho e por tudo o que ele tem feito para o nosso Estado”, afirma o presidente da Fecomércio-SE e deputado federal, Laércio Oliveira.

Outras autoridades prestigiaram a solenidade, a exemplo do ex-governador de Sergipe e empresário Abano Franco, e do desembargador aposentado do Tribunal de Justiça de Sergipe, Netônio Machado.

A comenda

Criada em 1987, a Comenda José Ramos de Moraes é a mais importante outorga do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac e tem por finalidade reconhecer o trabalho de pessoas ou entidades que, por suas obras, realizações, decisões e comportamento social, profissional, político ou em prol do progresso das atividades comerciais ou de suas entidades representativas, fizeram-se dignas e credoras.

Leva o nome do empresário que foi pioneiro nas lutas classistas em Sergipe e um vitorioso pelo seu progresso, coragem, abnegação e desprendimento. Em 1948, quando o Brasil ainda enfrentava sérias dificuldades econômicas em função da 2ª Guerra Mundial, José Ramos de Moraes fundou e implantou a Federação do Comércio do Estado de Sergipe. Foi o seu primeiro presidente e permaneceu no cargo por 27 anos.

 

Compartilhe: