ESTUDE NA UNIT
MENU

Feira de criatividade

Prossegue durante toda esta sexta-feira, 25, no minishopping do Campus Farolândia a 2ª edição da Feirinha da Gente

às 18h12
Composta por uma programação diversificada em que artesãos e artistas apresentam e comercializam seus trabalhos, a feirinha tem como objetivo incentivar o empreendedorismo entre acadêmicos, colaboradores e convidados.
Diversos artigos são colocados à venda
Diversos artigos são colocados à venda
A música e o talento dos acadêmicos
Camisas customizadas com temas diversos
Jefferson pensa em estender a iniciativa para outros campi da Unit
O público visita todos os estandes
Além da venda, uma oportunidade de estreitar relações
Cláudia é veterana nas feirinhas da Unit
Deliciosos, os doces representam uma fonte de renda extra para o acadêmico
Compartilhe:

Com acesso livre para a comunidade interna e externa, quem visita a Feirinha da Gente encontra produtos personalizados com preços bastante competitivos, além de diversos estandes com exposições de produtos gastronômicos, vestuários, acessórios e peças artesanais com motivos diversificados.

“Pelo sucesso alcançado, a nossa proposta é que nas próximas edições a feirinha possa acontecer nos demais campi”, salienta o organizador, jornalista Jefferson Marx Mesquita. “Nosso desejo é que ela se torne uma iniciativa permanente e que sirva de estímulo para que a comunidade acadêmica e nossos colaboradores possam revelar os seus talentos”, acrescenta Jefferson sem se esquecer de agradecer aos expositores pela participação na feirinha que teve sua primeira edição realizada no mês de maio.

O estudante do 4º período de Nutrição Natanael Santos considera que a feirinha representa uma excelente oportunidade para que ele possa divulgar o seu trabalho iniciado em 2011 como uma espécie de passatempo, mas que a partir de 2013 passou a encarar a confecção de doces como uma profissão que lhe permite uma renda extra.

A assistente acadêmica Cláudia Aguiar, que presta serviços na Coordenação de Medicina, salienta que é veterana na feirinha não apenas pela oportunidade de mostrar aptidões que fogem da ação administrativa, como por se sentir incentivada pela própria instituição para comercializar entre os visitantes e colegas suas delicadas peças artesanais, a maioria delas confeccionadas com linhas e tecidos.

Lucas Bezerra, acadêmico de Odontologia, aproveitou para mostrar durante a feirinha os seu potencial artístico apresentando para a plateia um repertório composto por estilos musicais que perpassam o MPB e o sertanejo universitário.

Compartilhe: