V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Mobilidade Acadêmica: retomada presencial deve acontecer em 2022

Instituições parceiras da Unit já estão recebendo alunos de mobilidade acadêmica por meio dos programas de internacionalização.

às 15h18
Compartilhe:

Com o avanço da imunização contra a covid19 e a reabertura das fronteiras em diversos países, a Universidade Tiradentes (Unit) tem a perspectiva de retomar o Programa de Mobilidade Acadêmica presencial em 2022. Um dos destinos que o estudante poderá escolher é a Letônia.

A coordenadora de Relações Internacionais da Unit, Selen Ive Carneiro, contou que diversas instituições parceiras já estão retomando os processos seletivos para mobilidade acadêmica internacional e que a Unit deve fazer o mesmo, realizando tudo com a maior segurança possível e observando todas as medidas e recomendações exigidas pelos países de destino do estudante. “O retorno da mobilidade presencial tem sido procurada e solicitada por muitos dos nossos estudantes. Portanto, estamos empolgados com essa retomada porque temos certeza de que serão experiências bastante engrandecedoras para todos os participantes”, disse.

Em 2021, a Unit ofertou diversas oportunidades para os estudantes e já planeja novos projetos e programas para 2022. “Temos boas expectativas de manter alguns deles e ampliar o leque de ofertas envolvendo também ações presenciais, em 2022. Realizamos a seleção de dois estudantes do curso de Ciência da Computação para o Programa ERASMUS International Credit Mobility, na Letônia, em parceria com a ISMA University of Applied Sciences. Os selecionados deverão viajar no final de janeiro e esse fato representará o início de nossa retomada ao presencial, ainda no primeiro semestre de 2022”, complementou Selen.

Ela também enfatizou que o setor acompanha o cenário internacional, principalmente, levando em conta o surgimento de novas variantes. “Reforçamos que, por enquanto, nós ainda acompanhamos o desenrolar da pandemia para poder garantir que a mobilidade seja realizada de maneira segura para os nossos estudantes envolvidos”, reforçou.

 

Leia mais:

Saiba como participar de uma mobilidade acadêmica

Compartilhe: