V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Reitor da Unit é patrono da Bienal do Livro

Nesta edição a Bienal presta homenagens ao professor Uchôa

às 16h45
O escritor e jornalista sergipano Rafael Souza Silva participa da IV Bienal do Livro de Itabaiana
O autor, Rafael Souza
O autor, Rafael Souza
Universaliza uma temática que, mesmo situada em Capela, pequena cidade sergipana, poderia ter acontecido em qualquer outro lugar do Brasil.
O vôo do anu conta a saga de uma família libanesa e sua vida nos estados de Pernambuco, Sergipe e Alagoas
Compartilhe:

O escritor e jornalista sergipano Rafael Souza Silva participará da IV Bienal do Livro de Itabaiana, que acontecerá nos dias 20, 21 e 22 deste mês no Shopping Peixoto. Na oportunidade em que o evento concede ao professor Jouberto Uchôa de Mendonça o título de patrono em reconhecimento aos serviços prestados a educação, o escritor Rafael lança seus dois últimos livros, “O voo do anu” e “Cirandas de Contar… e quem quiser que conte outras” (segunda edição), no dia 21, a partir das 14 horas, na Praça dos Escritores.

Rafael vive em Santos, no estado de São Paulo, mas tem na cultura nordestina o ponto fundamental de sua literatura. Rafael nasceu em Capela e mantém forte ligação com seu estado natal, onde vivem familiares. Também sua carreira acadêmica foi marcada pelo trabalho que exerceu como diretor do Centro de Ciências do Homem e da Natureza – CCHN, da UNIT – Universidade Tiradentes, em Aracaju.

Os livros

Em “O vôo do anu” Rafael conta a saga de uma família libanesa e sua vida nos estados de Pernambuco, Sergipe e Alagoas. Uma história de tristezas, alegrias, choros e risos. Uma história de mistério e suspense. Uma história que mistura lembranças reais do autor – também um migrante nordestino – às criadas por sua imensa habilidade em inventar fatos reais.

Em “Cirandas de Contar… e que quiser que conte outras”, já em sua segunda edição, Rafael universalizou uma temática que, mesmo situada em Capela, pequena cidade sergipana, poderia ter acontecido em qualquer outro lugar do Brasil. São histórias de vidas vividas, de vidas morridas, de vidas que nos fazem conhecer como era o universo de um garoto, de sua família, de seus amigos, em um Brasil interiorano.

Conheça o autor

Rafael nasceu em Capela em 1947. Aos 14 anos veio com os pais morar em Santos pela vontade de viver próximo de alguns irmãos e também poder ter acesso a estudos.

Graduado como Bacharel em Comunicação: Jornalismo, pela Universidade Católica de Santos, em 1972; Mestre em Ciências da Comunicação: Jornalismo, pela ECA/USP, em 1983, Rafael é ainda Doutor em Comunicação e Semiótica pela PUC/SP – 1996.

Sua participação na área acadêmica se iniciou em 1977 em Santos. Em fevereiro de 1999, assumiu a direção do Centro de Ciências do Homem e da Natureza – CCHN, da Unit – Universidade Tiradentes, em Aracaju. Posteriormente, retornou para Santos, onde exerceu o cargo direção na Universidade de Mogi das Cruzes e na UniSantos – Universidade Católica de Santos.

É autor também de “Controle remoto de papel – O efeito do zapping no jornalismo impresso diário”, “Diagramação – Planejamento visual gráfico na comunicação impressa” e organizador de “Discursos simbólicos da mídia”, literatura voltada para a área de Ciências da Comunicação.

IV Bienal do Livro de Itabaiana

A IV Bienal do Livro de Itabaiana, Patrimônio Cultural e Imaterial de Sergipe, faz parte do calendário oficial de eventos do Estado. Além de lançamentos de livros, acontecerão também apresentações de poesia, música, cordel, sebo de livros, exposição de fotografias, oficinas, academias literárias, artesanato, caricaturistas. Segundo os organizadores, a Bienal está preparada para promover mais de 300 lançamentos de livros e receber 50 mil visitantes.

Compartilhe: