V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Unit difunde conhecimento na Flise

A Editora Universitária Tiradentes apresentou para os amantes da leitura e da pesquisa suas publicações durante a realização da 1ª Feira da Leitura e do Livro de Sergipe

às 19h18
O livro destaca a vida do renomado artista da MPB
O livro destaca a vida do renomado artista da MPB
O jornalista Álvaro Muller canta canções de Gilberto Gil
Pedro Varoni e Cristiane Porto
Compartilhe:

Ocorrido no último fim de semana, o evento contabilizou a participação de milhares de visitantes no Parque da Sementeira, cenário propício para uma vasta e concorrida programação composta por apresentações artísticas, recitais poéticos, rodas de conversas e lançamentos literários como o livro “A Voz que canta na voz que fala: Poética e Política na Trajetória de Gilberto Gil”.

De autoria do jornalista e professor Pedro Varoni, o livro, editado em parceria entre a EdUnit e o Ateliê Editorial de São Paulo, é o resultado da sua tese de doutorado feita na Universidade Federal de São Carlos.

“É uma análise da trajetória do Gilberto Gil desde o Tropicalismo (no final dos anos 1960), até o fato de ele ser Ministro da Cultura do Brasil entre 2003 e 2008”, explica o autor, levando em conta a forma como a canção brasileira se tornou uma manifestação cultural tão forte, a ponto de influenciar a vida política do País. “Através das composições, desde a época da ditadura com as composições de protesto, os artistas se tornaram muito influentes na vida política do País, daí, o título do livro que explica o trânsito de um personagem cuja voz que canta na canção se torna a voz que fala na política”, complementa o autor.

Satisfeita com a receptividade do público que teve a chance de conhecer, durante a Flise, os títulos lançados pela EdUnit, a diretora e editora científica, professora doutora Cristiane Porto, salientou que o lançamento do jornalista Pedro Varoni dará maior visibilidade ao trabalho que vem sendo executado.

“É um livro que vai circular muito porque é sobre Gilberto Gil, fato que é muito significativo porque começamos a aparecer em espaços diferentes, saindo dos muros da universidade. A ideia que a EdUnit sempre teve é que, além de ser uma editora universitária com publicações científicas, também estar voltada para o lado cultural. Nossa presença na Feira é mais uma forma de popularizar a editora, que lançou seu primeiro livro há um ano”, lembra a doutora Cristiane.

A Editora Universitária Tiradentes participou da 1ª Feira da Leitura e do Livro de Sergipe oferecendo aos leitores serviços especializados como venda eletrônica e, via site, representou a Associação Brasileira das Editoras Universitárias – Abeu, o que permitiu ao público conhecer títulos de editoras como a EdufBA, Editora Fiocruz e Editora Argos.

Fotos – Marcelo Freitas

Compartilhe: