V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Unit recebe Simpósio Ibero-Americano sobre Sistemas Aquosos Bifásicos

Durante dois dias, pesquisadores e estudantes discutem questões relacionadas à extração, concentração, particionamento e purificação de diferentes moléculas

às 12h25
Com o objetivo de discutir o protocolo de estudo de particionamento de compostos entre duas fases e a aplicação do procedimento na extração, concentração e purificação de moléculas, a Universidade Tiradentes é palco da primeira edição do Simpósio Ibero-Americano sobre Sistemas Aquosos Bifásicos – SISAB.
Compartilhe:

Durante dois dias, o evento reúne estudantes e pesquisadores de países como Portugal, Espanha, Chile, Argentina e do Brasil.

“Os países ibero-americanos têm contribuído com uma grande produção intelectual na área de extração, concentração e purificação por um bom número de grupos de pesquisa. Neste evento, eles têm oportunidade de discutir suas pesquisas com renomados investigadores”, salienta o presidente do simpósio, professor doutor Álvaro Silva.

“O intuito deste evento é proporcionar o olho no olho dos pesquisadores, fazer interações, colaborações e fazer com que o protocolo, procedimento e ferramenta extremamente importante para a área, possa atingir um patamar bem melhor do que está hoje”, acrescenta o pesquisador.

 

Abertura

A abertura oficial foi realizada na manhã de ontem, 14, no auditório da Reitoria, Campus Aracaju Farolândia da Unit. “Para o Grupo Tiradentes é uma honra sediar este evento. Desejo que vocês aproveitem bem a interação, a troca de experiências e que seja um incentivo para os avanços e demais pesquisas e inovações para o nosso país e para o mundo”, declara o Superintendente Geral em exercício, professor doutor Saumineo Nascimento.

“É com muita alegria que vejo vários amigos de longas datas e amizades que serão feitas durante o evento. Isso é muito importante para todos nós que formamos o grupo de pesquisa dos Programas de Pós-Graduação de Engenharia de Processos e Biotecnologia Industrial da Universidade Tiradentes”, finaliza professor Álvaro.

Compartilhe: