V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Universidade Tiradentes recebe nota máxima em avaliação do MEC

A Universidade Tiradentes apresentou indicadores favoráveis para o recredenciamento institucional com o conceito máximo 5 do INEP/MEC

às 23h54
Universidade Tiradentes tem credibilidade reconhecida pelo INEP/MEC
Universidade Tiradentes tem credibilidade reconhecida pelo INEP/MEC
Laboratórios da Unit viabilizam a vivência da profissão
Reitor da Unit, professor Jouberto Uchôa de Mendonça, reconhece o esforço e comprometimento de todos que compõem a instituição sergipana
Unit vem investindo tanto na estruturação de learning spaces
Compartilhe:

Por Raquel Passos

A cada cinco anos, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – Inep – realiza o recredenciamento institucional em Instituições de Ensino Superior no Brasil. Na primeira semana de maio, a comissão de avaliação externa do Ministério da Educação – MEC –, esteve na Universidade Tiradentes – Unit – e o resultado foi de excelência máxima com a nota 5 (cinco). Foi levado em consideração aspectos como ensino, pesquisa, extensão, responsabilidade social, gestão da instituição e corpo docente.

A partir da análise do Plano de Desenvolvimento Institucional (2018 a 2022) da Unit, o grupo avaliador identificou que a universidade sergipana apresenta um excelente perfil em relação aos aspectos definidos pelos referenciais de qualidade. Constituída por cinco eixos – planejamento e avaliação institucional; desenvolvimento institucional; políticas acadêmicas; política de gestão; e infraestrutura física da Unit –, a avaliação considerou, ainda, todos os requisitos legais e normativos da instituição.

Para o reitor da Universidade Tiradentes, professor Jouberto Uchôa, o recredenciamento institucional pelo MEC representa mais um compromisso da Instituição com a excelência de ensino superior, pesquisa e extensão. “Todo o processo aconteceu com grande tranquilidade com a certeza que cada um contribuiu de forma bastante satisfatória para este momento. Além disso, mesmo diante desse criterioso processo avaliativo, nossos serviços não foram interrompidos, fruto de um trabalho contínuo e de equipes comprometidas com a nossa missão”, afirma o reitor Uchôa.

O alto nível de qualificação do corpo docente e as modernas instalações da Universidade, laboratórios de ponta e complexo esportivo são alguns dos atrativos que impulsionaram a nota máxima no INEP/MEC. São mais de 38 mil alunos distribuídos em cerca de 60 graduações – presenciais e a distância; 20 cursos de especialização; 10 MBAs, programas de pós-graduação scricto sensu (cinco mestrados e cinco doutorados).

Pesquisa

Com as várias parcerias junto a órgãos dos governos estadual e municipal, e iniciativas realizadas com empresas privadas e órgãos de fomento, dentre as quais se destacam Codevasf, Fapitec, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – Capes, Sebrae e Petrobras, a respeitabilidade e confiabilidade da Unit são ainda mais evidenciadas.

Para se ter ideia do compromisso com o investimento em pesquisa e produção de conhecimento, a Unit é a única universidade particular certificadora do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu da Rede Nordeste de Biotecnologia – Renorbio. Foi pioneira em Sergipe ao oferecer mestrado na área de Engenharia, e ainda criou o primeiro mestrado em Educação entre particulares do Norte, Nordeste e Centro-Oeste do país.

Na avaliação quadrienal realizada em 2017 pela Capes, órgão vinculado ao Ministério da Educação que atua na expansão e consolidação de mestrados e doutorados em todo o País, dos cinco programas ofertados pela Unit, três receberam nota 5 (que significa nível de excelência nacional). Os outros dois, obtiveram conceito 4. Além da vasta produção científica realizada em seus 35 grupos de pesquisa, a Unit ainda possui diversas patentes depositadas.

Ensino

Os alunos da Universidade têm a possibilidade de desenvolver habilidades e competências, em sala de aula, seja presencial ou na modalidade a distância, por meio da Produção da Aprendizagem Significativa em consonância com o Projeto Pedagógico dos cursos. “São as metodologias ativas, isto é, aprendizagem combinada a atividades, desafios e informações contextualizadas. Temos uma estrutura de salas de aula preparadas para que os alunos vivenciem práticas a partir de metodologias modernas, no qual são protagonistas e sujeitos principais da aprendizagem”, explica a pró-reitora de Graduação, professora Arleide Barreto. Já no curso de Medicina o método pioneiro utilizado é o de Aprendizagem Baseada em Problemas (PBL), em que o aluno passa a ser o principal gerador de conhecimento e vem gerando bons frutos.

De forma precursora no Brasil, a Unit vem investindo tanto na estruturação de learning spaces e na integração de ferramentas do Google for Education ao seu sistema acadêmico – estudantes e professores interagem de qualquer lugar, a qualquer hora e de qualquer dispositivo – que a plataforma reconheceu a instituição sergipana como o primeiro caso de sucesso no Brasil.

Internacionalização

Com convênios em universidades de 18 países e centenas de estudantes realizando intercâmbio de conhecimento nos últimos cinco anos, a Unit vem avançando rumo à internacionalização de forma estratégica e organizada.

Em dezembro de 2017, a Universidade sergipana aportou no mais importante centro de ensino superior do mundo, em Boston (EUA), com a inauguração do Tiradentes Institute – centro de estudos situado na Universidade de Massachusetts. Em seguida, firmou parceria com a Babson College, primeira instituição no mundo voltada à educação empreendedora. “Essas iniciativas refletem o estreitamento de relações com outras Instituições de Ensino Superior do mundo, reforçando a preocupação da Unit com a qualidade da formação de seus pares e impulsionando a produção de conhecimento de Sergipe em nível global”, coloca o coordenador de Relações Internacionais do Grupo Tiradentes, Otávio Correia.

Hoje, a Unit é a primeira instituição de ensino superior particular do Brasil a buscar a Certificação Europeia de Garantia da Qualidade do Ensino Superior, validada pela European University Association (EUA) – há 20 anos creditando a qualidade de universidades pelo mundo. Com esse intuito, em abril, representantes de universidades de cinco países – Letônia, Bulgária, Inglaterra, Noruega e Portugal –, que compõem a entidade formada por reitores e ex-reitores de universidades europeias, estiveram no campus Unit Farolândia.

“O objetivo é entender a importância da universidade para o estado, como as entidades recebem os egressos da Unit, como ela interage com essas instituições a partir de convênios e prestação de serviços. A junção de todas informações irá permitir a certificação europeia”, informa o assessor de projetos de internacionalização do Grupo Tiradentes, professor doutor José Fernandes de Lima.

Todos esses atributos relacionados ao ensino, pesquisa e extensão, investimento contínuo na qualidade do corpo docente, incentivo à produção científica e trabalho orgânico na internacionalização que proporcionaram a nota máxima do INEP/MEC à Unit.

Compartilhe: