V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Universidade Tiradentes conquista segundo lugar em competição de games

Um grupo de 58 estudantes sergipanos passaram 48 horas ininterruptas criando um jogo para o GameJam+. O evento, realizado na Universidade Tiradentes, reuniu estudantes de Ciências da Computação e de Jogos Digitais

às 00h58
Compartilhe:

Um grupo de 58 estudantes sergipanos passaram 48 horas ininterruptas criando um jogo para o GameJam+. O evento, realizado na Universidade Tiradentes, reuniu estudantes de Ciências da Computação e de Jogos Digitais em uma maratona que envolveu competidores de Recife, Caruaru, Maceió, São Luís, Natal, Teresina, Fortaleza, João Pessoa, Belém e outros países. Equipes de acadêmicos da Unit conquistaram o segundo e terceiro lugares, respectivamente, na primeira seletiva.

O coordenador curso de Computação e de Jogos Digitais, Fábio Santos, destacou que Aracaju foi a capital do Norte e Nordeste e com maior número de inscritos. “É a primeira vez que a Unit recebe o evento, o qual acontece de forma simultânea em várias partes do mundo e do País. Aracaju teve o maior número de inscritos da região, uma surpresa positiva. Significa que estamos nos inserindo nesse cenário de desenvolvimento de games, que já fatura mais que a indústria de cinema. Para nossos alunos, a importância é o aprendizado e a possibilidade de conhecer outros profissionais”.

Responsável pela organização do GameJam+, Daniel Simões Caldas destacou que Aracaju está presente no mercado de games com empresas que produzem para outros países. “A Unit sempre foi parceira. Temos um relacionamento próximo, a Universidade vem investindo muito em infraestrutura, em eventos de criação de produtos o que agrega muito aos estudantes. Em Sergipe, temos uma empresa de Aracaju que teve um de seus jogos como um dos cem mais baixados do EUA. Esses eventos mostram que estamos preparados, que o jogo é um produto internacional”.

A competição realizada entre os dias 02 e 04 de agosto seleciona dois finalistas para a etapa nacional, que será realizada em novembro no Rio de Janeiro. A primeira equipe foi selecionada pelos avaliadores e a segunda por voto popular. “A GameJam+ prioriza o game como produto, a ideia é que eles desenvolvam jogos que possam ser vendidos no mercado”, disse Daniel. O vencedor da etapa nacional participará de uma feira de games na Europa.

João Vítor cursa o quarto período de Jogos Digitais e participou do evento para ganhar experiência. “ Quero adquirir experiência e melhorar o trabalho em equipe. O evento pode me abrir portas porque a gente conhece muita gente”.

Esse é o mesmo pensamento de Mateus Aécio, também acadêmico de Jogos Digitais, “É importante esse tipo de evento porque complementa nosso aprendizado, podemos colocar no currículo. É um evento internacional que pode nos possibilitar parcerias futuras”.

Compartilhe: