V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Aprendizagem on-line é discutida na Unit

Tema é discutido no terceiro dia da VIII International Guide Conference, realizado no Campus Aracaju Farolândia da Universidade Tiradentes

às 14h43
Howard Bell palestrou na manhã de hoje
Howard Bell palestrou na manhã de hoje
Pesquisadores brasileiros investigam EaD
Público ouviu palestras sobre Mooc´s
Carlos Souza defende mudança no perfil do professor
David Guralnik elogia evento no Brasil
Compartilhe:

MOOCs e aprendizado centrado no aluno. Essas são as duas principais temáticas discutidas na manhã desta sexta-feira, 21, na VIII International Guide Conference, evento que reúne mais de 100 universidades de países como Brasil, Itália, Inglaterra, Índia e Estados Unidos e que este ano é sediado pela Universidade Tiradentes – Unit.

Proferida por Howard Bell, fundador da empresa de ensino online Future Learn, a palestra inicial teve como tema uma nova modalidade de ensino que tem sido difundida pelo mundo, o MOOC (em português Curso On-line Aberto e Massivo). Esses cursos são disponibilizados via internet e têm curta duração, de em média seis semanas. “Esse modelo tem crescido em diferentes países, eu mesmo tenho alunos na Índia, na Espanha, na China e em outras 170 localidades. Geralmente são pessoas que tiveram dificuldades para inserção nos ambientes educacionais e hoje querem um emprego, querem melhorar de vida. Para mim e para todas essas pessoas, essa possibilidade de estudar pela internet é uma grande facilidade”, considera.

Quem também participou dos trabalhos foi Carlos Souza, fundador da Veduca, empresa brasileira que também oferta cursos on-line. “Esse modelo promove uma revolução, já que é um aprendizado centrado no aluno. É ele quem estuda, pesquisa produz e ainda orienta outros colegas. Essa inovação tem forçado grandes centros universitários, como o MIT, a modificarem até mesmo a estrutura física das salas, que hoje não valorizam mais a figura do professor”, considera o pesquisador, que acredita numa mudança do perfil profissional do educador.

Para Souza, em algumas décadas o professor deixará de ser um instrutor e vai desempenhar a função de orientador. “As pessoas estão mais autônomas e é natural que essa característica seja refletida na educação. Essa é a razão dos MOOCs estarem crescendo tanto, a ponto de instituições tradicionais já começarem a discutir a implantação dessas plataformas”, prossegue.

Destaque para o Brasil

Entre os pesquisadores que estão em Aracaju, a VIII International Guide Conference tem sido uma experiência para que se conheça mais o que é produzido no Brasil no campo de pesquisa da Educação a Distância. “Participo de muitas conferências em todo o mundo e nunca vejo pesquisadores daqui, nem mesmo em meu trabalho lá em Nova Iorque. Tem sido bom conhecer o que é pesquisado no Brasil, o nível dos trabalhos e discussões desse evento tem me surpreendido com uma qualidade excelente”, avalia David Guralnick, professor da Universidade de Columbia.

Fotos – Marcelo Freitas

Compartilhe: