V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Egressos de Medicina da Unit recebem carteira da Somese

Identidade profissional para os novos médicos formados pela Unit

às 18h03
Em solenidade ocorrida na noite dessa quinta-feira, 25, na sede da Sociedade Médica de Sergipe, egressos da primeira turma do curso de Medicina receberam o documento que oficializa a profissão.
O diretor de Saúde da Unit fala sobre o momento significativo para os novos médicos
O diretor de Saúde da Unit fala sobre o momento significativo para os novos médicos
Rodrigo Pires de Souza Lima exibe com orgulho o documento que lhe foi entregue
Doutor Hesmoney entrega o documento a Lorena Eugênia
Compartilhe:

“Estamos na fase final que representa a entrega da carteira profissional desses médicos egressos da nossa primeira turma. Nossa maior satisfação é que a grande maioria obteve aprovação nos processos seletivos de residência médica em importantes instituições de todo o Brasil”, frisa o diretor de Saúde da Universidade Tiradentes, professor Hesmoney Ramos de Santa Rosa. Em sua opinião a primeira turma dos profissionais médicos formados pela instituição fez jus a serem os pioneiros.

O corregedor do Conselho Regional de Medicina, Hider Aragão de Melo, considera que em se tratando da primeira turma do curso de Medicina da Universidade Tiradentes, a solenidade de entrega das carteiras aos novos profissionais representa um momento histórico. “Formar médico é, do ponto de vista do Conselho, gratificante. Sabemos da situação complexa que a Medicina vive em todo o País, mas temos muitas esperanças de que os novos profissionais consigam mudar essa realidade”, sugere.
A opinião do corregedor é partilhada com Lorena Eugênia Rosa Coelho. Egressa do curso ofertado pela Unit com o diferencial da metodologia ativa de ensino intitulada PBL, cuja aprendizagem é baseada nos problemas desde o primeiro período, ela reconhece que o recebimento da carteira da entidade oficializa o compromisso assumido com a profissão. “É, também, a concretização de um sonho. Lutamos bastante para chegarmos a esse momento que é significativo e único”, revela.

Rodrigo Pires de Souza Lima, colega de profissão de Lorena acrescenta que o recebimento da carteira marca a história pessoal e de família de cada um daqueles que se esforçaram para concluir uma importante etapa na formação. “Eu me sinto honrado por exercer essa profissão, principalmente por integrar a primeira turma da Unit. Espero que possamos exercer com louvor tudo o que conseguimos aprender durante os seis anos na faculdade”, arremata o jovem médico.

Em relação ao método de ensino PBL, Rodrigo só reconhece vantagens. “É uma metodologia que nos permite explorar novas oportunidades além do conteúdo passado pelo professor. Ficamos mais receptivos às novas ideias, sempre com a intenção de evoluir”, explica ele.

Fotos – Marcelo Freitas

Compartilhe: