V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Acadêmicos encerram atividades do Papi com plantio de árvores

Aproximadamente 700 alunos participam do plantio no Bosque da Sabedoria dentro do Programa de Apoio Pedagógico de Integração de Calouros da Unit

às 15h13
Alunos participam de plantio de árvores
Alunos participam de plantio de árvores
Nailcia Santos e prof. Luciana Rodrigues responsáveis pelo projeto
Alunos empenhados no plantio
Compartilhe:
Alunos participam de plantio de árvores

Plantio de árvores reúne cerca de 700 estudantes

A cada semestre os alunos ingressantes dos cursos de graduação da Universidade Tiradentes participam do plantio das árvores, ação promovida pela Diretoria de Graduação em parceria com o Programa Conduta Consciente dentro do Programa de Apoio Pedagógico de Integração de Calouros – Papi. O intuito é finalizar as atividades do projeto de recepção aos novos estudantes à universidade e divulgar as ações de responsabilidade da instituição

Nesta sexta-feira, 1 de agosto, a ação realizada no Bosque da Sabedoria do Campus Aracaju Farolândia conta com a participação de aproximadamente 700 acadêmicos divididos nos turnos da manhã e tarde. Na oportunidade foram plantadas espécies de Pau-Brasil, Nim, Ouricurizeiro e Pata-de-vaca.

Luan Siqueira Andrade foi um dos muitos estudantes animados com a ação. O acadêmico de Educação Física aprovou a iniciativa e afirma que contribui para integrar e conscientizar a comunidade acadêmica. “Gostei muito. Além de animada, percebemos no plantio o quanto é bom para a natureza e para interagirmos com estudantes de outros cursos”, observa.

Alunos empenhados no plantio

Alunos empenhados no plantio

Desde 2012, ano em que teve início o plantio, cerca de 300 mudas foram plantadas no espaço. No primeiro momento com gestores de todos os setores da universidade e, agora, com alunos dos cursos da graduação. “Todas as empresas hoje exigem essa visão holística do profissional. E neste momento falamos para ele o quanto é importante plantarmos uma árvore e acompanharem o crescimento dela fazendo um paralelo com o crescimento da vida deles pessoal e profissional”, salienta a coordenadora do Conduta Consciente, professora Luciana Rodrigues.

Além do plantio das árvores, parcerias com empresas para a coleta do lixo seco e aquisições de tambores, balcões, caixas coletoras para coleta e separação do lixo, o Conduta Consciente organiza novas atividades em prol da preservação ambiental. “Já é uma proposta do programa começar com o recolhimento do lixo eletrônico e ampliar a questão da coleta do óleo. Então são várias alternativas para que possamos estar disseminando conceitos para que esses futuros profissionais se desenvolvam de uma forma integral”, conclui a docente.

Clique aqui e confira mais fotos.

Fotos: Marcelo Freitas

Compartilhe: