V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Brinquedos educativos são aliados na formação cognitiva de crianças

Os brinquedos educativos devem ser escolhidos com atenção pelos pais, para que desenvolvam o que a criança precisa naquela etapa do seu desenvolvimento

às 12h50
A escolha dos brinquedos educativos tem que levar em consideração o conteúdo, se as peças são adequadas e a idade da criança (Cottonbro Studio/Pexels)
A escolha dos brinquedos educativos tem que levar em consideração o conteúdo, se as peças são adequadas e a idade da criança (Cottonbro Studio/Pexels)
Compartilhe:

Todo mundo sabe que a brincadeira e os jogos podem ser um grande aliado na educação de crianças. Independentemente de ser físicos ou digitais, suas contribuições são importantes para o desenvolvimento global do ser humano. Isso porque essas ferramentas auxiliam nas emoções, respostas motoras e desenvolvimento social e cognitivo.

A professora Alana Vasconcelos, do curso de Pedagogia EaD da Universidade Tiradentes (Unit EaD), explica que, para que sejam um auxílio aos diversos aspectos do desenvolvimento humano, é preciso saber que para cada fase desse desenvolvimento humano, existem brinquedos e jogos a serem utilizados. 

Em crianças com idade até dois anos, devem ser usados brinquedos que ajudem nessa interação social, possibilitando à criança conhecer as cores, as formas, os animais, seus sons. Na fase que vai dos dois aos quatro anos, deve ser trabalhado o cognitivo com blocos de encaixe e quebra-cabeça com poucas peças.

Segundo Alana Vasconcelos, é dos cinco anos em diante que a criança já desenvolve o trabalho em equipe e a resolução de problemas, por exemplo. “É preciso se atentar à finalidade de cada brinquedo e/ou jogo, pois cada um terá uma finalidade específica. Ler as instruções é de extrema importância para que a linguagem e suas peças, se for o caso, estejam adequados à idade”, destaca.

Asscom | Grupo Tiradentes

Compartilhe: