V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Copa do Mundo 2022: brasileiros estão na expectativa para a conquista do hexa

Os brasileiros estão com altas expectativas para a Copa no Catar e a conquista do hexa. 

às 16h39
Foto: Fernando Dantas - Gazeta Press
Foto: Fernando Dantas - Gazeta Press
Professor tutor do curso de Educação Física, Adelmax Pedral
Brazil fans cheer before the Russia 2018 World Cup Group E football match between Brazil and Costa Rica at the Saint Petersburg Stadium in Saint Petersburg on June 22, 2018. / AFP PHOTO / GABRIEL BOUYS / RESTRICTED TO EDITORIAL USE - NO MOBILE PUSH ALERTS/DOWNLOADS
Compartilhe:

Que o futebol é uma paixão nacional, ninguém pode negar. Com a aproximação do início da Copa 2022 no Catar, os brasileiros ficam com mais expectativas para ver o desempenho da Seleção Brasileira em campo. A estreia será no dia 20 de novembro, às 13h pelo horário de Brasília. 

Uma pesquisa realizada pela Apoema e divulgada pelo Estadão mostra que 71% da população brasileira acredita no hexa campeonato. Segundo o professor tutor do curso de Educação Física, Adelmax Pedral, o brasileiro ama uma comemoração, e não seria diferente com a Copa do Mundo. 

“O futebol é o esporte mais praticado no mundo, sendo considerado um fenômeno sociocultural gigante porque mexe com todos os segmentos: economia, política, cultura e sociedade, também trabalhando a questão subjetiva do homem. As emoções, o amor e a paixão pelo esporte”, disse. 

É possível afirmar que realmente somos um povo apaixonado pelo esporte? De acordo com Adelmax, as pessoas estão realmente empolgadas com a chegada do maior evento futebolístico do planeta.

“A gente sabe que a Copa do Mundo é a arte de unir pessoas. Torcer pelo seu time aflora as emoções. No momento em que está emotivo, exalando a paixão pela sua seleção, se empolgando, pode ser que se frustre em alguns momentos, mas esses sentimentos, a expressão deles demonstra que somos apaixonados pelo futebol. E além de tudo isso, traz também a união dos povos. Coisa que só a Copa do Mundo é capaz de fazer”, afirma.

Depois da pandemia e eleições, a Copa do Mundo é a oportunidade do brasileiro se distrair e torcer de novo pelo Brasil. “Mesmo com o clima tenso das eleições, o brasileiro não deixa de pensar na Copa. Até mesmo porque serve como uma distração. É um momento de descontração, relaxamento e confraternização. Embora a nossa bandeira tenha sido largamente usada na política, as pessoas querem vestir o manto, decorar suas casas, até mesmo o local de trabalho. Tudo para entrar no clima festivo”, comenta. 

Copa no Catar

O Brasil está no Grupo G junto com as seleções da Sérvia, Suíça e Camarões. Nesta fase, a seleção brasileira joga três vezes e caso seja líder do grupo, enfrenta o segundo colocado do grupo H, que conta com as seleções de Portugal, Gana, Uruguai e Coreia do Sul. 

O primeiro jogo será da seleção catari, anfitriã da competição, que abrirá o torneio contra o Equador, em partida válida pelo Grupo A, no domingo, dia 20 de novembro, às 13h pelo horário de Brasília, no Estádio Al Bayt.

A final acontece no dia 18 de dezembro, às 18h no horário local de Doha, e às 12h pelo horário de Brasília.

 

Com informações do Estadão e Olympics

 

Leia mais: Uniformes de times de futebol são usados na luta contra a discriminação racial

Compartilhe: