V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Delícia de atividade

Estudantes do curso de Gastronomia preparam pratos e promovem brunch para convidados.

às 10h43
Música ambiente, pratos de dar água na boca e o cuidado em cada detalhe. Na manhã da última terça-feira, 13, os estudantes do 2º período do curso de Gastronomia da Universidade Tiradentes capricharam em mais um evento realizado pela disciplina Gestão de Eventos, Cerimonial e Protocolo. A refeição escolhida foi o brunch, servido entre o café da manhã e almoço.
Compartilhe:

“Durante o semestre trabalhamos com os alunos tipos de eventos gastronômicos. Neste, especificamente, os acadêmicos foram divididos em grupos e passaram por duas experiências distintas. Uma enquanto gestor e outra, como convidado”, explica a docente da disciplina, professora Fernanda Silva.

A atividade envolve a escolha do tema, planejamento de cardápio, organização e execução. Os acadêmicos do curso realmente colocam a mão na massa. “É importante trabalhar as habilidades dos alunos e os conhecimentos obtidos em sala de aula. Eles colocam em prática o conteúdo de disciplinas que já foram ofertadas no primeiro e segundo período”, observa a professora.

A acadêmica Rosane Prado trabalha com cerimonial há oito anos. Encontrou no curso uma forma para se aperfeiçoar na atividade que desenvolve e realizar um grande sonho. “A graduação veio para ampliar os meus horizontes. Sou da área de eventos, mas quero expandir. Penso em lecionar, abrir um buffet voltado para jantares em eventos. Atividades como esta nos proporciona isto, um grande aprendizado. Conciliei a minha experiência com novos aprendizados na produção do que seria servido, baseado no que temos em sala de aula”, afirma.

“Digo sempre aos alunos que eles não conseguem avaliar a satisfação do professor quando colocamos para eles os desafios e desenvolvem com tanto empenho. Cada evento é uma surpresa, uma sensação que, realmente, o dever está sendo cumprido. Eles possuem aptidão e fazem Gastronomia por um motivo que é importante em qualquer área, que é fazer o que gosta”, finaliza a professora Fernanda.

Compartilhe: