V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Diretor de Saúde da Unit toma posse na Academia Sergipana de Medicina

Radicado em Sergipe há 25 anos, o médico Hesmoney Ramos de Santa Rosa ingressa na ASM para dar sua contribuição como profissional da saúde

às 19h32
Comprometido com a Medicina e com a formação de novos profissionais da saúde, doutro Hesmoney Ramos de Santa Rosa é o mais novo membro da entidade médica sergipana
O novo membro da ASM exibe o diploma
O novo membro da ASM exibe o diploma
No registro, membros da família do novo integrante da Academia
Após discurso, os parabéns dos colegas
Personalidades e membros da Academia atentos ao discurso do médico Hesmoney
Durante discurso, o doutor Hesmoney presta homenagens a médicos sergipanos
Compartilhe:

Em solenidade bastante concorrida realizada na noite dessa segunda-feira, 21, no auditório do bloco G, no Campus Farolândia, o médico e diretor da área de Saúde da Universidade Tiradentes e vice-presidente da Sociedade Médica de Sergipe, Hesmoney Ramos de Santa Rosa, foi empossado como membro da Academia Sergipana de Medicina.

Mestre em Saúde e Ambiente, especialista em Administração Hospitalar, Patologia da Coluna Lombar e Neurocirurgia, o novo membro da ASM assume a cadeira de número 4 cujo patrono é o doutor Benjamin Alves de Carvalho na sucessão do fundador, o doutor Hugo Gurgel. A saudação ao novo integrante da Academia foi feita pelo doutor Francisco Prado Reis em nome dos seus pares e prestigiada por centenas de convidados, entre eles imortais das Academias Sergipana e Propriaense de Letras, bem como membros da entidade cultural cuja sede está na cidade de Carmópolis, além de personalidades, professores, gestores da Unit e colegas de profissão.

“O nome de Hesmoney tem grande fluidez dentro da Sociedade Médica de Sergipe. Todos respeitam a maneira de ele ser porque ele respeita todos os colegas. Então, acho que a Academia só tem a ganhar com a inclusão do seu nome”, considera o presidente da Somese, José Aderval Aragão.

Na opinião do novo membro da Academia, esse é o resultado do reconhecimento ao seu trabalho como médico, formado há 30 anos, e como educador estando à frente da área de Saúde da Unit. Natural do Piauí, doutor Hesmoney reside há 25 anos em Aracaju e nesse momento em que assume a cadeira de número 4, na condição de membro da ASM, ele revela ter sido agraciado com um grande prêmio. “Ajudamos a formar inúmeros profissionais de Saúde dentro da instituição e fundamos vários cursos pioneiros no estado, como os cursos de Farmácia, Biomedicina e Fisioterapia. Isso, claro, com a ajuda de vários colegas profissionais de todas as áreas”, reconhece o homenageado.

“Hesmoney amadureceu para chegar a esse momento em que assume uma vaga na Academia. É uma pessoa que tem uma folha de trabalho prestada à Medicina e ao ensino da área médica em geral muito grande em Sergipe”, revela o doutor Francisco Prado Reis, um dos primeiros médicos a assinar o requerimento indicativo do nome do novo membro para a Academia Sergipana de Medicina.

Enquanto esposa e médica, Marília Uchôa Ramos de Santa Rosa manifesta sua felicidade por ver reconhecido um desejo antigo do doutor Hesmoney em ingressar para a Academia. “É um grupo que trabalha pela manutenção da história da Medicina, pela classe médica intervindo em muitas situações junto ao Conselho. É o que ele gosta de fazer e por isso estamos muito felizes pelo dia de hoje”, revela.

“Pra nós, é um motivo feliz porque além de ser uma pessoa da família, ele é o diretor da área da Saúde da instituição e tem realizado um trabalho excelente. Portanto, esse reconhecimento da Sociedade Médica ao trabalho dele nos enche de orgulho”, manifesta o professor Uchôa.

“O ingresso do doutor Hesmoney representa mais uma pessoa que se agrega aos trabalhos desenvolvidos pela entidade em toda a sua plenitude. Tanto profissional médico, como na condição de gerente, respondendo pelos cursos de Saúde daqui da Unit. Ele, trazendo essa experiência para nossa entidade, com certeza vamos deslanchar mais ainda”, opina o presidente da Academia Sergipana de Medicina, doutor Paulo Amado.

“A presença de doutor Hesmoney é da maior importância para a Academia Sergipana de Medicina, haja vista o trabalho intenso que ele tem, não só como administrador, mas, como fazedor da Medicina no estado de Sergipe”, opina o médico Francisco Rollemberg, na oportunidade prestando homenagens na condição de imortal da Academia Sergipana de Letras.

O Secretário de Estado da Saúde, José Sobral, na oportunidade representando o governador do estado, Jackson Barreto, salientou que é muito importante a existência de representantes integrando a Academia por ele chamada de corte. “Eu digo corte porque é o reflexo de um grupo de médicos que têm os seus nomes gravados na História por aquilo que contribuíram e contribuem com a sociedade, aliviando sofrimentos, desenvolvendo tecnologias e por atingirem a excelência na profissão”, conclui José Sobral.

MEDICINA

Compartilhe: