V E S T I B U L A R UNIT
MENU

EAD: egresso discute desafios do professor em banca de mestrado

Lecionando em turmas do quinto ano fundamental, Jonatas concilia a rotina de sala de aula com pesquisa

às 00h32
Jonatas Sobral
Jonatas Sobral
Compartilhe:

Que o Nordeste é um mercado potente de educação, já é sabido. Segundo análise da Educa Insights, 72,6% dos nordestinos que pretendem fazer uma graduação superior pretendem investir em um curso da modalidade EAD. Outros 14,7% pretendem cursar graduações híbridas. Em Sergipe, a Universidade Tiradentes é destaque com 59 anos de atuação, nota máxima junto ao Ministério da Educação e uma coleção de histórias de sucesso.

Uma dessas histórias é do egresso do curso de Pedagogia do polo Unit EAD de Garanhuns, Jonatas Cordeiro Sobral. Com trabalho sobre ‘Resgate Histórico: A masculinidade negra e os desafios do professor homem ensinando nos anos iniciais’, ele está na segunda etapa de avaliação para vaga de mestrado na Universidade Federal da Paraíba – UFPB.

Lecionando em turmas do quinto ano fundamental, Jonatas concilia a rotina de sala de aula com pesquisa.

“Optei pela Universidade Tiradentes principalmente pela qualidade do ensino. Por uma questão de trabalho, não podia fazer o curso presencial e fui para o EAD. O tema da minha pesquisa veio da vivência na graduação, já que poucos homens escolhem pedagogia. Quis abordar a questão do homem na educação infantil, no ambiente escolar. Minha trajetória em estágios, monitoria ajudou na escolha do tema”.

Inspiração

A capacitação dos docentes também serviu de inspiração para Jonatas, que conviveu com professores com mestrado e doutorado. Foi essa inspiração que o fez investir na formação continuada.

“Eu via os professores falando e pensava que um dia seria eu fazendo mestrado e doutorado. Como quase não via homem atuando nos ambientes escolares, fui construindo meu projeto nessa área. Tentei em Garanhuns, mas não passei na segunda etapa e me preparei para a Universidade da Paraíba. Apresentei meu projeto para banca, tirei 8,e estou na lista de espera. A experiência de falar de minha pesquisa e de minha proposta metodológica para a banca foi incrível. Estou me dedicando para aprimorar o projeto e tentar novamente”, afirma.

 

Leia mais:

Compartilhe: