V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Enfermagem Obstétrica e mercado em expansão

Os profissionais da Enfermagem e a inserção no mercado de trabalho na área da obstetrícia

às 00h31
A professora Maria Inês Brandão Bacardi
A professora Maria Inês Brandão Bacardi
A busca pela capacitação reúne egressas da Unit profissionais de outras IES
Compartilhe:

“A pós-graduação em Enfermagem Obstétrica é um pré-requisito no mercado de trabalho para atuação na área”, reconhece a coordenadora do curso, professora Maria Pureza Ramos de Santa Rosa.

Somente após a conclusão do curso e mediante a resolução 0479 que diz que o profissional precisa apresentar experiência nos serviços de maternidade e de atenção primária à saúde é que o Conselho de Enfermagem credita ao profissional o poder do exercício legal na área da Obstetrícia.

Segundo a professora Pureza, todas as políticas de saúde têm dado grande ênfase e suporte ao sistema de saúde brasileiro no sentido de incentivar e apoiar iniciativas de especialização e residências em Enfermagem Obstétrica.

“Para a redução da mortalidade materna e dos partos cesarianos, para que tenhamos partos humanizados e até mesmo para os profissionais da área essas iniciativas são de fundamental importância”, acrescenta a professora Pureza.

“Nesse primeiro dia de aula chamo a atenção dos alunos para a importância da Enfermagem Obstétrica, da atuação do Enfermeiro, do cenário atual e da necessidade da formação desse profissional aqui para o Estado de Sergipe, especialmente para Aracaju uma vez que são poucos os profissionais formados nessa área”, comenta a professora Maria Inês ministrante do primeiro módulo do curso que destaca a disciplina Política de saúde da mulher.

Compartilhe: