V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Enfermagem promove saúde

Projeto realizado na Unidade de Saúde da Família do Augusto Franco orienta população sobre o uso correto de medicamento

às 16h45
Compartilhe:
Alunos orientam população sobre uso de medicamento

Alunos orientam população sobre uso de medicamento

Criado em setembro deste ano, o projeto ‘Enfermagem promove saúde’ orienta a população, principalmente os idosos, sobre o uso correto dos medicamentos. A atividade é desenvolvida por alunos do curso de Enfermagem da Universidade Tiradentes na Unidade de Saúde da Família Augusto Franco, no Bairro Farolândia, em Aracaju.

“Sabemos que existe a automedicação. Os idosos, por exemplo, acabam fazendo uso do medicamento de forma inadequada porque não entenderam a orientação transmitida para eles ou porque esqueceram e não tem uma pessoa para supervisioná-lo. Então colaboramos com orientações sobre a função dos medicamentos e qual o melhor horário para administrá-los. Também falamos sobre a desistência do uso da medicação, porque alguns têm a prescrição, mas não fazem uso do medicamento”, explica a coordenadora da atividade, professora Karla Graziela Santos de Oliveira.

A primeira visita, realizada em outubro, reuniu cerca de 30 idosos na unidade. Segundo a docente, já foi possível ter uma noção sobre a importância do projeto junto à população. “Após a orientação percebemos o quanto alguns têm resistência para fazer o uso do medicamento, mesmo com a medicação prescrita. Então tentamos enfatizar a importância sobre este uso. Alguns disseram que pensariam na possibilidade”, ressalta a professora Karla.

Sob supervisão da docente, oito alunos realizam a orientação com os usuários da unidade. O trabalho desenvolvido em diversos estágios foi um dos grandes motivadores para o acadêmico do 7º período Guilherme Mota participar do projeto. Ele foi um dos que ajudou a professora na criação da atividade. “Observei que várias pessoas utilizam medicamentos no dia a dia, mas não sabem os cuidados que se deve ter para o uso. Então conversei com a orientadora sobre a possibilidade da ação e de desenvolvê-la na unidade mais próxima. Gosto de estar envolvido com a comunidade”, acrescenta o bolsista. Guilherme também é aluno de iniciação científica da Unit.

Gabriella e Guilherme aprovam iniciativa de projeto

Gabriella e Guilherme aprovam iniciativa de projeto

A iniciativa do trabalho com a população também motivou a acadêmica Gabrielle Dantas. A estudante do 7º período do curso afirma ter desenvolvido algumas habilidades para a prática da profissão.  “É o primeiro projeto de extensão que participo e a sensação é indescritível. Compartilho um pouco o conhecimento que adquiri na universidade e aperfeiçoo algumas habilidades. Desde quando comecei no projeto, por exemplo, melhorei minha habilidade de comunicação com o paciente”, considera.

A depender dos resultados do ‘Enfermagem promove saúde’ apresentados no final do ano, a intenção é continuar com a atividade, inclusive em outros locais. “A primeira visita foi realizada em outubro e a ideia é dar continuidade ao projeto, a partir do relatório que será apresentado no final do ano. Também temos a pretensão de estender a ação para outras unidades de saúde da família”, completa a docente.

 

Fotos: Marcelo Freitas

Compartilhe: