V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Estupro em debate

Unit, Comissão dos Direitos de Defesa da Mulher da OAB-SE e Instituto Brasileiro de Direito de Família – IBDFAM promovem ampla discussão sobre estupro

às 14h39
Sob a organização das professoras acácia Lélis e Grasiele Vieira a coordenação do curso de Direito da Unit promoveu na noite dessa sexta-feira, 10, no Auditório da Reitoria, o 1º Debate sobre a cultura do Estupro.
Os debatedores convidados
Os debatedores convidados
Alunos, professores e pessoas da comunidade participam da discussão
Compartilhe:

O tema que nos últimos dias ocupa as manchetes dos principais noticiários reuniu para uma roda de discussão, acadêmicos da área jurídica e participantes como a professora Kátia Araújo, do curso de Serviço Social, as advogadas Adélia Pessoa, Valdilene Cruz, a psicóloga da UFS Claudilene Santos e o delegado de polícia civil, Ronaldo Marinho.

O professor Eduardo Macedo enfatiza que curso de Direito do Campus Farolândia, sob sua coordenação está sempre na vanguarda dos acontecimentos e procura abordar assuntos relevantes como é, por exemplo, a questão do estupro. “Em decorrência da cultura do machismo, ainda reina nos lares porque embora casada, a mulher acaba sofrendo estupro quando a relação não é consentida. Através de debates como esse procuramos difundir que esse é o tipo de conduta inaceitável”, pondera o docente.

Membro da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher e professora do curso de Direito da Unit, Grasiele Borges Vieira de Carvalho lembra que a organização do debate atende a uma demanda da Diretoria de Graduação, sempre preocupada em estreitar as relações da instituição com a sociedade discutindo questões que perpassam pelo interesse de todos.

“Acho de suma importância porque demonstra que a Unit está preocupada com os diversos problemas que tem acontecido socialmente dando ao público em geral a oportunidade de discutir sobre uma temática que tem preocupado a todos”, conclui a professora.

DIREITO1

Compartilhe: